Certidões de nascimento de Macau

Este tópico está classificado nas salas: Arquivos | Regiões

Certidões de nascimento de Macau

#118173 | LGR | 07 Mai 2006 16:40

Caros Senhores

Preciso de obter algumas certidões de nascimento de Macau.
Tenho os nomes das respectivas pessoas assim como as datas e locais de nascimento.
Como devo proceder para conseguir obter tais certidões?
Agradeço a quem me puder orientar a respeito.
Cumprimentos,
Luís Gonzaga Ribeiro

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118174 | pgirao | 07 Mai 2006 18:06 | Em resposta a: #118173

Caro Luís Gonzaga Ribeiro,

Partindo do princípio de que estamos a falar de certidões do séc. XX, peça-as aos Serviços Centrais do Registo Civil, na Rua Rodrigo da Fonseca, em Lisboa (perto do Parque Eduardo VII). Pode fazê-lo pessoalmente, pelo correio ou pela Net, no site da DGRN; pode ainda telefonar (21 381 7600), nesse caso eles informam-no se o registo existe e dizem-lhe qual o número e ano do assento, costumam ser muito simpáticos (já recorri várias vezes a este último expediente para naturais de Angola e Moçambique).

Com os melhores cumprimentos (e boa sorte!),
Pedro Girão

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118175 | LGR | 07 Mai 2006 19:03 | Em resposta a: #118174

Caro Pedro Girão

Todas as pessoas que pesquiso são do séc. 19 pois os nascimentos rondam os anos entre 1860 a 1890.

Como acha que poderei fazer? Tenho todos os dados ( nomes, datas e locais).

Cumprimentos,
Luís Nuno Gonzaga Ribeiro

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118187 | pgirao | 07 Mai 2006 23:39 | Em resposta a: #118175

Caro Luís,

Nesse caso, limito-me a copiar o que neste mesmo fórum disse já há algum tempo o Lourenço Correia de Matos:
"Os Registos estão em Macau nas respectivas Igrejas, segundo informa Jorge Forjaz na sua magistral obra em 3 volumes, "Famílias Macaenses".

À pessoa que então fez a mesma pergunta que o Luís agora faz, ele respondeu:
"Sugiro-lhe que contacte directamente com Macau ou em Lisboa com a Casa de Macau ou a Fundação Oriente pois talvez o possam ajudar."

Ignoro se as circunstâncias mudaram...

Com os melhores cumprimentos,
Pedro Girão

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118190 | LGR | 08 Mai 2006 07:24 | Em resposta a: #118187

Caro Pedro Girão

Muito obrigado pela informação e irei primeiramente à Casa de Macau que eles, certamente, poderão orientar-me da melhor maneira embora eu saiba que não irá ser fácil.

1 abraço,
Luís Nuno Gonzaga Ribeiro

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118191 | Joman | 08 Mai 2006 08:31 | Em resposta a: #118175

Caro Luís

Talvez tenha sorte. As circunstâncias mudaram desde que o Dr. Forjaz fez as suas pesquisas em Macau já lá vão mais de dez anos. Pelo menos, de 1877 em diante, todas as certidões foram microfilmadas e encontram-se no Arquivo Histórico de Macau cujos contactos indico a seguir:
Av. Conselheiro Ferreira de Almeida, n 91-93, Macau.
Tel: 592919 / 330914
Fax: 561495
E-mail: icmctm04@macau.ctm.net
Website: www.icm.gov.mo

Sugiro que tente primeiro o e-mail.

Um abraço

João Nobre de Oliveira

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118196 | Fmaia | 08 Mai 2006 10:34 | Em resposta a: #118191

Caros confrades,

Comungo da mesma opinião do confrade Pedro Girão, para o Séc. XX.
Também nasci em Macau e, quando necessitava de uma certidão, pedia aos Serviços Centrais.

Mcumptos,
Maia da Fonseca

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118261 | LGR | 09 Mai 2006 07:24 | Em resposta a: #118191

Caro João Nobre

Muito obrigado pela sua "dica", certamente a que tem mais hipotese de sucesso.

Acha que posso comunicar-me em Português ou já pouca gente fala a nossa lingua e é mais aconselhavel em Inglês?

1 abraço,
Luís Nuno Gonzaga Ribeiro

Resposta

Link directo:

RE: Certidões de nascimento de Macau

#118263 | Joman | 09 Mai 2006 08:05 | Em resposta a: #118261

Caro Luís Ribeiro

De nada. Pode utilizar o português. Trabalham no Arquivo funcionários que são e que sabem falar o português. Mas o seu cuidado tem razão de ser. De facto, nas ruas, nem sempre é fácil contactar logo a primeira tentativa com um lusófono. Encontra-se pouca gente que saiba falar o português. Mas. felizmente, nos serviços públicos ela ainda é muito utilizada.

João Nobre de Oliveira

Resposta

Link directo:

Mensagens ordenadas por data.
A hora apresentada corresponde ao fuso GMT.
Hora actual: 17 Jul 2019, 02:04

Enviar nova mensagem

Por favor, faça login ou registe-se para usar esta funcionalidade

Settings / Definiciones / Definições / Définitions / Definizioni / Definitionen