Família Martins Cavaco de Alte

Este tópico está classificado nas salas: Pessoas | Famílias | Regiões

Família Martins Cavaco de Alte

#174174 | melisa | 25 Nov 2007 16:05

Caros confrades

Procuro o casamento de Domingos Vaz com Isabel Gonçalves Cavaco por volta de 1700.

Foram moradores em Alte onde baptizaram e casaram vários filhos.

Os meus cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174181 | ffarrajota | 25 Nov 2007 17:57 | Em resposta a: #174174

Cara Maria Elisa,
De Alte tenho um Domingos Vaz cc. Maria Vicente com dois filhos a Ana cc. Lourenço Martins 13/4/1704 e Pedro cc. Inês Gonçalves 20/5/1704, de Benafim Alte.
O seu Domingos será também filho do acima mencionado?
Os meus cumprimentos,
Fernanda Farrajota

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174186 | rafael | 25 Nov 2007 19:02 | Em resposta a: #174174

Cara M.Elisa e Fernanda Farrajota

Desculpem endereçar a informação em comum, mas de igual interesse.

Tenho avós homónimos que suponho serem os mesmos.Pertenço à família Martins Cavaco, de Benafim-Alte,cujo "panteão" foi a Ermida de Nossa Senhora da Glória, em Benafim. (in Monografia de Loulé, de Francisco Ataíde de Oliveira, tb. desta gente).
http//www.geneall.net/P/per_treee.php?id=44493

Assim que tiver disponibilidade dir-vos-ei alguma coisa dos apontamentos que tenho desta minha e nossa família, como julgo.

Cumprimentos amigos,do
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174187 | rafael | 25 Nov 2007 19:04 | Em resposta a: #174186

http://www.geneall.net/P/per_tree.php?id=44493

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174191 | melisa | 25 Nov 2007 19:39 | Em resposta a: #174181

Cara Fernanda

Também o meu Domingos Vaz morou em Benafim, pelo que poderia pelo menos ser familiar do seu Domingos Vaz.

Entretanto a sua descendência usou os apelidos Vaz, Gonçalves, Vaz Cavaco e Martins Cavaco.

Conheço-lhes os seguintes filhos:

- MANUEL MARTINS CAVACO natural de Benafim, casou primeiro em Alte aos 10/9/1727 com Maria Rodrigues, filha de Domingos Rodrigues cc Margarida Martins, moradores na Júlia freguesia de Alte.

Foi morador na Júlia.

Enviuvando por volta de 1731 , casou de novo com Beatriz Martins (possívelmente em Loulé e entre aquela data e 1733) filha de Domingos Martins cc Brites Martins, moradores no Monte Seco freguesia de Loulé.

Ela possivelmente irmã de Manuel Afonso morador no Monte Seco e de André Afonso da Fonte Santa.

Também depois do 2º casamento morou na Júlia.
Descendo deste casamento, por seu filho João Martins Cavaco.


- DOMINGOS VAZ CAVACO n. 16/7/1711 sendo padrinhos: os recém casados Capitão Manuel Pires Cortezão e s/m.er Catarina Vaz Cavaca (que habitualmente usava Catarina Martins Cavaca, sendo filha de Antão Vaz Cavaco cc Isabel Lourenço).

Casou em Alte a 8/5/1748 com Ana Gonçalves, natural de s.Bartolomeu de messines e fª de Baltazar Rodrigues cc Bárbara Gonçalves


- BÁRBARA GONÇALVES , n. a 21/9/1714 (padrinhos Baltazar Afonso e s/ filha Maria moradores nas Sernadas freguesia de Alte.) casou com Manuel Martins, filho de João Martins e sua m.er Maria Gonçalves, moradores em Loulé.

No seu casamento foi mãe de Maria, nascida em Alte a 27/11/1744. (padrinhos ;Francisco Rodrigues Cavaco e Maria Agosto, solteiros e irmãos do padre Manuel Martins Cavaco de Benafim)


- BRÍZIDA GONÇALVES, n. Alte 16/2/1719. foram padrinhos Bartolomeu Martins Cavaco, solteiro, fº de João Martins Cavaco, e Margarida Gomes filha de Manuel Pires Cortezão já defunto, de Benafim (esta última irmã do capitão Manuel Pires Cortezão acima referido).

Casou com José Correia, filho de Baltazar Correia e Bárbara dos Santos,também de Benafim.
Foram moradores em Benafim Grande onde nasceram vários filhos. (encontrei quatro entre 1744 e 1759).

- JOÃO MARTINS CAVACO, natural de Benafim que casou em Alte aos 18/1/1741
com Maria da Silva filha de Domingos ... cc ... Da silva (talvez Domingos Guerreiro Santos cc Luisa da Silva ) do Espragal freguesia de Alte.


- BEATRIZ MARTINS CAVACA , natural de Benafim casou em Alte aos 1/5/1741 com
José Guerreiro de Brito , filho do FSO Domingos Rodrigues Guerreiro e de s/ m.er Isabel da Fonseca, também de Benafim.

- TOMÉ GONÇALVES casou com Maria Gonçalves, filha de Baltazar Afonso e Bárbara Gonçalves, de Benafim.

Viveram em Benafim onde nasceram pelo menos suas filhas Gregória a 2/3/1743 e Angélica a 23/6/1744.

- GONÇALO VAZ , solteiro em 1728 quando apadrinha sobrinho (filho do primeiro casamento de seu irmão Manuel Martins Cavaco). A madrinha foi Maria Gonçalves filha de João Martins Cavaco cc Sebastiana Gonçalves, Também de Benafim.ª)

- MARIA GONÇALVES, solteira em 1734 quando foi madrinha de sua sobrinha Leocádia Cavaco Coelho (fª de Manuel Martins Cavaco), sendo padrinho seu irmão Tomé Gonçalves.


a) João Martins Cavaco e sua mulher Sebastiana Gonçalves foram também pais de Bárbara Gonçalves que em 1718, sendo solteira, foi madrinha de filho de PEDRO ANES e de s/ mer INÊS GONÇALVES.

Por acaso é este o Pedro a que se refere na sua mensagem?

Verificando que a política de apadrinhamento das crianças naqueles tempos era de recorrerem muitas vezes a familiares muito próximos, caso seja o mesmo Pedro reforçaria a idéia que o seu Domingos Vaz seria próximo do meu ou até o mesmo noutro casamento.

Os meus cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174196 | melisa | 25 Nov 2007 20:00 | Em resposta a: #174186

Caro Rafael

Só depois de enviar a minha anterior mensagem é que vi as suas.

Também descende do casal Domingos Vaz/ Isabel Gonçalves Cavaco?

Julgo que João Martins Cavaco cc Sebastiana Gonçalves seria irmão de um deles.

Há por outro lado um Luis Martins Cavaco (falecido antes de 1711) casado com Ana Coelha que será certamente familiar muito próximo.

Também Antão Vaz Cavaco, sogro do capitão Manuel pires Cortezão parece ser familiar próximo.

Os meus cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174203 | rafael | 25 Nov 2007 21:52 | Em resposta a: #174196

Cara M.Elisa

Tenho bastante sobre esta gente que nos pertence,mas tenho andado atarefado e preocupado com alguns assuntos que me têm retirado um pouco destes assuntos que são da minha especial predilecção.
Vamos lá ver se amanhâ poderei dizer alguma coisa.
Tenho 3 Antão Vaz Cavaco, todos eles F.S.O. e cujos processos têm indicações preciosas e muitos reg. de nasc.e de cas.Tb. sobre-Cortesão e ligados a estes e bem assim outros ramo que se estendem por São Bart. de Messines, etc.
É família que me despertou, desde cedo, muito interesse genealógico.Além de-Cortesão (Pires Cortesão),Aboim Guerreiro, Rodrigues Guerreiro,Silva,Lopes ( dos Lopes Amado, de Faro ?)até Guterre e Pinheiro, de Santa Bárbara de Nexe. Enfim...!muito, para pesquisar e desenvolver.

Os meus cumprimentos
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174213 | ffarrajota | 25 Nov 2007 23:10 | Em resposta a: #174191

Cara Elisa:
Com efeito o Pedro que me refiro é o Anes cc.Inês Gonçalves, filha de Domingos Martins e Inês Gonçalves, da Corte dos Barganções- Alte. Depois tenho o filho Francisco cc. Maria Guerreiro 13/8/1752, filha de António Gonçalves Trassa e Maria Guerreiro, de Benafim-Alte, neta materna de Domingos Martins Cavaco e Maria Guerreiro. Penso que esta família Martins Cavaco deverá ser uma única família.Já agora qual o filho de Pedro Anes e Inês Gonçalves que foi madrinha Bárbara Gonçalves. Eu só tenho o Francisco e nem dele tenho a data de nascimento.
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174215 | ffarrajota | 25 Nov 2007 23:13 | Em resposta a: #174186

Caro Rafael,
Agradeço qualquer informação adicional à família Martins Cavaco.
Os meus cumprimentos,
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174220 | nunoinacio | 25 Nov 2007 23:56 | Em resposta a: #174174

Cara Maria Elisa

Uma vez que está a fazer a freguesia de Alte, gostaria que me dissesse se encontrou alguma referência a estes meus ascendentes:

Manuel Afonso, de Alte 00 Maria Guerreiro, de São Barnabé, c. 1770 (não encontrei o casamento deles em São Barnabé quando fui a Beja)

Silvestre Gonçalves, de Salir 00 Margarida Gonçalves, de Alte (pais do Manuel Afonso)

Caetano Rodrigues Vinagre 00 Inês Maria, ambos de Alte e esta filha de pai incógnito e de Maria Rodrigues, c. 1760

Manuel Afonso Vinagre 00 Maria Rodrigues, ambos de Alte e pais do Caetano.

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Manuel Afonso Vinagre

#174294 | melisa | 26 Nov 2007 19:00 | Em resposta a: #174220

Caro Nuno

O seu Caetano Rodrigues Vinagre nasceu em Alte aos 16/10/1731, filhp de Manuel Afonso Vinagre cc Maria Rodrigues, moradores em Alte.

Foi padrinho o Dr padre Manuel Rodrigues Cordovil e Úrsula da Silva sobrinha do coadjutor desta freguesia.

Este casal foi também pai de :

- Maria * Alte aos 29/3/1728. Foram padrinhos Marcos Afonso fª de manuel Afonso já defunto e Maria Mendes cc Jjosé Rodrigues (?) de Alte.


- Micaela Maria que casou (Alte 21/4/1749 ) com Manuel Viegas, filho de Manuel Viegas cc Maria Lourenço.

- Catarina Maria que casou (Alte 7/4/1750) com Sebastião Martins , do sítio do pomar da mina - Alte viúvo de Maria Gonçalves.

Encontrei ainda um Marcos Rodrigues a apadrinhar em 9/1/1728 sendo solteiro e filho de Manuel Afonso Vinagre cc Maria Rodrigues, AMBOS DEFUNTOS.

Ora este casal não será certamente os que foram pais em Março de 1728 e de pois em 1731 do seu Caetano.

Julgo que seriam os pais de Francisca nascida em Alte em 31/5/1704 e talvez avós do seu Caetano.

Agora o estranho é que quer um quer outro sejam casados com uma Maria Rodrigues.

Um abraço
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174300 | melisa | 26 Nov 2007 19:27 | Em resposta a: #174213

Cara Fernanda

Os filhos de Pedro Anes com Inês Gonçalves, que tenho registados são:

- MARIA , n. 6/12/1710. Padrinhos : pad.Estácio Lourenço e Bárbara Gonçalves, solteira, fª de Joâo Martins Cavaco cc Sebastiana Gonçalves, moradores Benafim.

- MANUEL, n. 6/11/1713. Padrinhos: João Martins Cavaco morador em Benafim e Domingas da Silva fª de Domingos Vaz cc Madalena da Silva moradores nas Sernadas freguesia de Alte.

- JOSÉ ,n. 12/10/1716. Padrinhos: Manuel Coelho (?) fº de Tomé Martins da Corte (dos braganções) e Catarina Mestra cc Marcos ... da corte dos braganções da freguesia de Alte.

Também não encontrei o registo de baptismo do Francisco.

Entretanto continuo à procura de outros dados.

Curioso é ter encontado o registo de baptismo de uma filha do "meu" Domingos Vaz, de nome Isabel , nascida a 19/10/1702, em que o pai é referido como sendo " O MOÇO", sugerindo haver outro mais velho pertencente à mesma família, possívelmente o seu.

Os padrinhos de Isabel foram: Manuel Pires , solteiro (seria o Capitão Manuel Pires Cortezão) e Maria Gonçalves fª de VASCO ANES morador na freguesia de Algôs.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Manuel Afonso Vinagre

#174339 | nunoinacio | 26 Nov 2007 23:15 | Em resposta a: #174294

Cara Maria Elisa

Obrigado pela informaçãol que me prestou.
De facto, sendo falecidos em 1728, não poderiam ser pais em 1731.
Acredito que estaremos perante casais com o mesmo nome, muito comum e que nos causam inumeras dores de cabeça noutras freguesias.

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174345 | zmcm | 27 Nov 2007 00:04 | Em resposta a: #174196

cara Maria Elisa:
Antão vaz Cavaco, sogro do Cap manuel Pires Cortezão, era filho de Gaspar Afonso Pinheiro e de Catarina Vaz, ambos de Alte, neto paterno de Pedro Afonso e de Maria Vaz.
Gaspar Afonso Pinheiro e Maria Vaz tiveram ainda um Domingos Vaz casado que foi com Isabel Andrêz filha de Gaspar Vaz e Margarida Andrêz da Silva moradores na Corte dos Braganções - Alte, neta materna de Bartolomeu Afonso Santos e Maria Andrêz da Silva.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174347 | melisa | 27 Nov 2007 00:36 | Em resposta a: #174345

Caro Miguel Cabrita Matias

Muito obrigada por estes dados.

Por acaso conhece o lugar e a data de casamento de Gaspar Vaz com Margarida Andrez da Silva?

É que encontrei em Alte um casamento em 7/11/1632 de uma Isabel Andrez com Domingos Vaz, ela filha de Gaspar Vaz e Isabel Andrez e ele registado como filho de Gaspar Afonso cc Maria Vaz.

Como na habilitação de Antão Vaz Cavaco (1674) a avó paterna aparece como Catarina ou Maria Vaz, estou com dúvidas se se trata da mesma gente (havendo erro no nome do avõ paterno) ou apenas de um casal homónimo.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174496 | zmcm | 27 Nov 2007 21:01 | Em resposta a: #174347

Cara Maria Elisa:
De facto não sei onde casaram apesar de serem meus antepassados nunca pesquisei este casamento.Á partida coloco três hipóteses possíveis das quais uma com maior probabilidade:
1 - Alte, já que Margarida era natural de lá
2 - Alfontes - Guia: já que seu pai depois de viúvo de Maria Andrêz da Silva ( sua mãe) voltou a casar em Alfontes - Guia em 1706 com Leonor Álvares filha do cap. Afonso Álvares Mião e Maria Grade,
3 - Silves: Já que seu irmão Bartolomeu Afonso Santos casa nesta localidade em 1727.

De todas as hipóteses creio que Alfontes-Guia é a mais provável já que foi onde viveu o pai após 1706.
Não me parece que voltasse a Alte e o casamento do irmão em Silves foi motivado apenas pela naturalidade da noiva.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174497 | ffarrajota | 27 Nov 2007 21:13 | Em resposta a: #174300

Boa noite Maria Elisa,
Agradeço toda a informação sobre a família Pedro Anes, espero encontrar o Francisco quando menos esperar, às vezes acontece.
Os meus cumprimentos,
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174501 | zmcm | 27 Nov 2007 21:49 | Em resposta a: #174347

Maria Elisa:
Passo-lhe ainda um entroncado puzzle sobre esta gente e mencionado na Habilitação para o Santo Ofício de Antão Vaz Cavaco:

GASPAR VAZ CAPITÃO DE ORDENANÇAS E CASADO COM MARGARIDA ANDRÊZ DA SILVA:

Depois de enviuvar de sua primeira mulher Margarida Andrêz da Silva, casou com Maria Vaz viúva do Capitão Gaspar Vaz seus compadres, já que Maria Vaz era mãe de Domingos Vaz casado com Isabel Andrêz. Deste modo Gaspar Vaz ficou padrasto de Domingos Vaz e Maria Vaz madrasta de Isabel Andrêz. ( Processo do Santo Ofício de Antão Vaz Cavaco filho de Domingos Vaz e Isabel Andrêz, neto paterno de Gaspar Afonso Pinheiro e de Catarina Vaz e materno de Gaspar Vaz e Margarida Andrêz da Silva ).

Um caso bem complicado de casais homónimos e que pode levar a grandes confusões...

Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174527 | melisa | 28 Nov 2007 01:04 | Em resposta a: #174345

Caro Miguel Cabrita Matias

A existência de vários Antão Vaz Cavaco em Alte, (já encontrei pelo menos quatro) leva-me a ficar confusa.

O processo de candidatura a FSO é o de 1674?

Embora não tenha consultado o processo mas pelo que aqui li colocado pelo nosso confrade Rafael de Carvalho em
http://www.geneall.net/P/forum_msg.php?id=94173#lista

julgo que não sera o Antão Vaz Cavaco de 1674 o sogro de Capitão Manuel Pires Cortezão.

Corrija-me se estiver errada.

1ª SITUAÇÃO: (Processo de candidatura a FSO de Antão Vaz Cavaco em 1674)

1- Pedro Afonso cc Catarina ou Maria? Vaz, pais de:

2- Domingos Vaz, de Salir cc Isabel Andrez * de Alte ,fª de Capitão Gaspar Vaz cc Margarida Andrez, de Alte.

3- Antão Vaz Cavaco, FSO ( processo de 1674) cc Brites Correia , fª de António Rodrigues e Maria Tavares de Alte.

_____________________________________

2ª SITUAÇÃO (ver processo cadidatura a FSO de João Fernandes Veiga em 1744 transcrito pelo nosso confrade Rui Pereira em :

http://www.geneall.net/P/forum_msg.php?id=152370#lista )

1-Gaspar Afonso Pinheiro cc Catarina Vaz do sítio da Portela , pais de:

2 - Antão Vaz Cavaco, solteiro n. Alte aos 16.10.1652 casou (Alte 30.07.1681 ) com Isabel Lourenço, solteira, f. Manuel Martins, já defunto, e Catarina Martins, de Benafim - Alte.
pais de:

3- Catarina Martins Cavaco, que casou em Alte aos 4.05.1711 com Cap. Manuel Pires Cortesão, solteiro, f. Manuel Pires, já defunto, e de Ana Fernandes.


_____________________________________

3ª SITUAÇÃO : Registo de casamento em Alte:

1- Gaspar Afonso cc Maria Vaz, moradores na Penina , pais de:

2- Domingos Vaz casou (Alte 7/11/1632) com Isabel Andrez * de Alte ,fª de Gaspar Vaz cc Margarida Andrez, de Alte.

_______________________________________

4ª SITUAÇÃO:

1- Baltazar Afonso e s/ me.er Vitória Andreza, pais de:

2- Maria Andreza da Silva, natural de Alte casou em Alte aos 18/4/1695 com Bartolomeu Afonso dos Santos viúvo de Teodora dos Santos, filho de Bartolomeu Afonso dos Santos e de Maria de Mesquita, moradores em Alfonte da Guia.


________________________________________

Admito que o Pedro Afonso referido no caso I se chamasse na realidade Gaspar Afonso (referido em III) pois em 1674 , data do processo, teria falecido há muito, e a memória nem sempre é boa, sendo esse o casamento dos pais do FSO.

Admito que Gaspar Afonso Pinheiro, referido em II fosse familiar de Gaspar Afonso (caso III) embora julgue muito difícil que seja o mesmo.

Já que uma neta de Maria Andreza da Silva (situação IV) case com um irmão de Antão Vaz Cavaco nascido em 1652 (e que provavelmente é já um filho tardio se se comprovar que o seu pai é o que casou em 1632, como admito) parece-me impossível.

Tratar-se -ão certamente de casais homónimos (Domingos Vaz cc Isabel Andrez) mas que viveram épocas distantes de cerca de 80 a 100 anos.

Corrija-me se estou a partir de pressupostos errados, pois como disse não consultei pessoalmente os referidos processos.

Os meus cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174530 | rafael | 28 Nov 2007 03:57 | Em resposta a: #174527

Cara M.Elisa

Só agora, e já noite avançada, acedo ao Fórum e leio que o nosso confrade Miguel Cabrita Matias tem colocado bastante informação sobre o assunto e tb. reparei que a M.Elisa acedeu a informação minha que já não me lembrava de ter colocado.
Como utilizei vários nomes de utilizador muita informação minha que vos pode interessar encontra-se dispersa por outros nomes de autor que assumi: bernardo 2000-bernardo de gusmão meu pseudónimo)-orgc-rafael mião-rgc-e agora como -rafael.
Assim, se colocar por autor algum dos referidos encontrará muito que fui informando sobre ramos familiares algarvios e alentejanos,etc.que julgo de bastante utilidade.
Tenho apontamentos dispersos sobre os meus antepassados de Benafim e Alte e de outras freguesias,claro; certamente me irei repetir,ou até já colocados por outrem; mas, mesmo assim, conto amanhã (hoje) colocar alguns mais que servirão, eventualmente, para outros consulentes deste Tópico.

Desejo uma boa noite.
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#174899 | zmcm | 01 Dez 2007 00:48 | Em resposta a: #174527

Cara Maria Elisa:
Só hoje me foi possível verificar as suas questões com mais pormenor.O que tenho sobre a matéria não é muito e as consultas foram feitas há já algum tempo pelo que haverá algumas coisas que não tenho presentes.
Existem 2 processos de habilitação para o Santo Ofício de 2 Antão Vaz Cavaco diferentes e ainda o processo de HSO de Bartolomeu Guerreiro de Aboim (Bartolomeu mç.6 doc.98 - 1756) cuja mulher era desta família.
Na minha BD constam 3 Antão Vaz Cavaco...quem é o seu 4º?

O que tenho de cada um destes processos:

1 - Antão Vaz Cavaco PRESBÍTERO DO HÁBITO DE S.PEDRO, NOTÁRIO DO SANTO OFÍCIO por provisão de Janeiro de 1747 (Antão, mç 1, doc 13 de 12-1-1748), nasceu em 1718, filho de Manuel Pires Cortezão e de Catarina Martins Cavaco,
Ficando assim:
1 – Antão
2 – Manuel Pires Cortezão
3 – Catarina Martins Cavaco
4 – Manuel Pires
5 – Ana Fernandes ( processo diz ser de Benafim mas de facto nasceu em S.B Messines em 16-7-1651)
6 – Antão Vaz Cavaco ( de Benafim)
7 – Isabel Lourenço (de Benafim)
Sei ainda que:
10 – Bartolomeu Lopes casou em 27-7-1637 em S.B.Messines com:
11 - Madalena Fernandes
20 – Baltazar Lopes casou em 10-4-1606 em S.B.Messines com
21 – Margarida Bentes
22 – Afonso Martins
23 – Margarida Gregória


2 e 3 casaram em Alte 4-5-1711 (livro C2)


2 - Antão Vaz Cavaco ALFERES E FAMILIAR DO SANTO OFÍCIO em 18-7-1674 ( Antão Maço1 doc. 5 ), casado com Brittes Correia, (moradores em Loulé), filho de Domingos Vaz de Alte e Isabel Andrêz( ou Andreza) de Alte, neto paterno de Gaspar Afonso(da Corte-Braganções-Alte) e Maria Vaz, neto materno do Capitão Gaspar Vaz e de Margarida Andreza
1 -Antão,
2 – Domingos Vaz
3 – Isabel Andreza
4 -Gaspar Affonso
5 – Catarina Vaz
6 - Cap. Gaspar Vaz
7 – Margarida Andreza
14 – Bartolomeu Affonso
15 – Maria Vaz
28 – Pedro Affonso ( de Alte)

7 e 4 casaram depois de enviuvarem
Neste processo testemunha o capitão Simão Vaz das Sernadas -Alte, tio do habilitando e irmão de Isabel Andreza

3 -Bartolomeu Guerreiro de Aboim (processo HSO: Bartolomeu mç 6, doc 98 – 1756)
Foi casado com Maria Pinheiro Cavaco:
1 Maria,
2 Antão Vaz Cavaco
3 Isabel Lourenço Cavaco
4 Gaspar Affonso Pinheiro
5 Catarina Vaz
6 Manuel Martins Cavaco
7 Catarina Martins
8
4 e 5 são os mesmos 4 e 5 acima mencionados no Processo de 1674
2 e 3 são os mesmos que 6 e 7 mencionados no Processo de 1747


cump.
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175027 | rafael | 02 Dez 2007 13:04 | Em resposta a: #174530

Cara M.Elisa

Vou transcrever dos cas., -bapt. e óbitos o que me parece mais relevante sobre algumas das pessoas aqui referidas, mencionadas nas Hab. p.FSO dos 3 Antão Vaz Cavaco.

O Padre Francisco Xavier Coelho de Mira, notário do Santo Ofício,certica que no mesmo livro assima declarado a folhas cem e quarenta e hum está hum termo do teor seguinte = Aos dezesete dias do mes de Novembro de seis centos e cincoenta e dois eu o Padre Manuel Fernandes Cura desta Igreja recebi ...............a Manuel Martins filho de Gaspar Afonso Cavaco e de Maria Guterrez,defunta,com Catharina Martins filha de Balthazar Afonso e de Beatriz Lourenço moradores em Messines,freguesia de Sam Bartholomeu ,foram dispensados no terceiro e quarto grau de consanguinidade por virtude de huma Bulla de Sua Santidade .Testemunhas presentes Luis Estevens mprador no Machial e Francisco Mendes morador na Nora freguesia de Loulé e outras muitas pessoas e fiz este termo que comigo asignaram = de Luis Estevens huma cruz =Francisco Mendes =Manuel Fernandes.E nam contem mais o dito termo,.......Alte 13 (?) de Agosto de 1755.


Declara tb. que não encontrou os termos de baptismo de Manuel Martins Cavaco avo^materno da habilitanda e na freg. de Santa Barbara de Padrões não encontrou o de Gaspar Affonso Pinheiro avo paterno da habilitanda.

Desejo-lhe um bom Domingo.
Até logo, porque ainda esta tarde tenciono aqui voltar

Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175029 | rafael | 02 Dez 2007 14:44 | Em resposta a: #175027

Cont

Antão Vaz Cavaco da freg. de Alte n. 16.10.1652 cc em Alte aos 30.6.1681 Isabel Lourenço Cavaca,da freg. de Alte, n. aos 24.2.1657. Foram pais de Domingos Vaz Cavaco, cujos avós e bisavós seguem:

Gaspar Afonso Pinheiro ,nat. da freg. de Santa Bárbara de Nexe-Faro c.c aos 25.10.1638 Catarina Vaz. Ele filho de Manuel Pinheiro e de Beatriz Martins e ela filha de Gaspar Afonso e de Maria Vaz.

Manuel Martins Cavaco , de Alte c.c Catarina Martins ,da freg. de São Bart. de Messines cas. aos 17.11.1652 . Primos em 3.º e 4. grau de consang.Ele filho de Gaspar Afonso Cavaco e de Maria Guterrez e ela filha de Baltazar Afonso e de Beatriz Lourenço.

Certifico eu o cónego Manuel ribeiro GIRÃO mOTA , Comissário do Santo Ofício........hum termo do teor seguinte :

ISABEL, filha do capitão Manuel Pires Cortesão e de sua mulher Ctherina Vaz Cavaca , moradores no segundo Benafim,nasceu aos vinte e nove dias do mes de Outubro de mil settecentos e treze anos ,foi bautizada e postos os Santos oleos nesta igreja parochial de seos pais por mim Padre João Marques Pais cura desta freguesia em os cinco do mes de Novembro de mil settecentos e treze anos ,forão padrinhos o Benefficiado Bartholomeu Correa da villa de Loule e Margarida Gomes , solteira filha de Manuel Pires ,ja defunto e de Anna Fernandes viuva moradores no mesmo Benafim.

MANUEL posthumo filho de Manuel Pires, de Benafim e de sua molher Anna Fernandes,nasceo aos sete dias do mes de Dezembro da era de mil seis centos e outenta e seis Foi bautizado pelo padre Antonio Rodrigues Machado Coadjutor nesta igreja da Nossa Senhora da Asumpsao deste lugar de Alte ,aos doze dias do dito mes de Dezembro e lhe puz os santos oleos forão padrinhos Domingos Coelho solteiro e Maria Lourenço molher de Braz Afonso ,da Peninha ,todos desta freguesia de que fiz este termo que asignei com o dito Padre Antonio Rodrigues Machado ,dia mes e era UT Supra .o Cura o Licenciado Vicente Leal e nao continha mais o dito termo aoqual me reporto.

Rafael

Cont.





.

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175037 | rafael | 02 Dez 2007 16:17 | Em resposta a: #175029

Cont.

CATHERINA,filha de Antão Vaz Cavaco ,nasceu eo os vintee nove dias do mes de Maio , de sua molher Isabel Lourenço e foi bautizada em os cinco dias do mes de Junho , tudo em mil seis centos outenta e nove nesta igreja de Alte Parochial de seos pais por mim Manoel Nunes de Arez cura na dita igreja e que lhe pus os santos oleos.Forão padrinhos o alferes Domingos Dias solteyro filho de Pedro Afonso, da Pena ,freg. de Salir e Barbara Glz solteira filha de Tome Lourenço, do Frexo desta freguesia e por verdade fiz este termo que asignei Manoel Nunes de Rez e não continha mais o dito termo ao qual me reporto.

Obs: penso que este Domingos Dias, seja dos meus -Dias Nunes- da freg. de Salir .

Certifico mais em como revendo outro livro velho que hoje se acha sem capa que o primº termo que nelle se acha foi feito aos vinte tres de Dezembro de mil seis centos e trinta e outo e finda o ultimo em dezassete de Novembro de seis centos e setenta e outo nelle a fls 107 V.º esta hum termo do theor seguinte Ao mesmo dia de Janeiro de mil seis centos esincoenta e dois eu o Padre Antonio Roiz coadjutor nesta igreja Bautizei a Manoel ,filho de Manoel Pires e de sua molher Anna Gomes , de que forao padrinhos Manoel da Cunha morador na villa de Loule e Magdalena Dias de que fiz este termo e asignei Antonio Roiz Sequeyra .


Certifico mais em como no mesmo livro esta a fls 117 outro termo do theor seguinte =Aos dezaseis dias do mes de Outubro de mil seis centos e sincoenta e dous eu o Padre Manuel Fernandes cura nesta igreja bautizei a Antão filho de Gaspar Afonso Pinheyro e de Catherina Vaz sua molher de que forao padrinhos Estaço Lourenço e Maria Lourenço.

Certifico mais em como revendo o mesmo livro nelle a fls181 esta um termo do theor seguinte =Aos vinte e quatro dias do mes de Fevereyro de mil seis centos sincoenta e sette eu o Padre Manuel Fernandes cura nesta igreja bautizei a Isabel filha de Manuel Miz e de sua molher Catharina Martins de que forao padrinhos Joao Miz Cavaco e Isabel Lourenço mardora na freguesia de Sao Bartholomeu de Misines.


Certifico eu o Pdre Manoel Ribeyro Girao Conego Prebendado da Se de Faro e notario do Santo Ofício em como revendo os livros desta freguesia de Sao Bertholomeu de Missines termo dacidade de Silves em hum deles que teve principio aos vinte de Outubro de mil seis centos e sincoenta annos efindoun em quatorze de setembro de mil seis centos e sincoenta e quatro annos nelle a fls sem numero esta hum termo do theor seguinte Aos dezaseis dias do mes de Julho de mil seis centos e sincoenta e hum bautizei a Anna filha de Bertholomeu Lopes e de Margarida Fernandes forão Padrinhos Lourenço Martins e Ageda Netta todos desta freguesia e por verdade asignei =Alvaro Nunes= nao continha mais o dito termo que bem e fielmente tresladei ao qual me reporto .

Ainda faltam algumas notas que irão depois.Espero que estes apontamentos tb. sejam úteis a estimada Confrade Fernanda Farrajota.
Com os melhores cumprimentos.
Rafael






MANOEL ( seria o cap.ão M.Pires Cortesão)-

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175049 | melisa | 02 Dez 2007 20:30 | Em resposta a: #175037

Caro Rafael

As suas informações são preciosas, sobretudo as relativas ao casamento de Gaspar Afonso Pinheiro com Catarina Vaz em 25/10/1638 e as relativas ao casamento de Manuel Martins ( ou Manuel Martins Cavaco como aparece nos registos de Baptismo dos filhos) com Catarina Martins em 17/11/1652,

As suas informações vêm confirmar aquilo que tenho vindo a colher nos microfilmes de registos paroquiais de Alte que adquiri, e de cujos registos estou a fazer um levantamento.

Com os melhores cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175069 | melisa | 02 Dez 2007 23:04 | Em resposta a: #174899

Caro Miguel Cabrita Matias

Muito obrigada pela sistematização das informações colhidas nos diferentes processos de candidatura a FSO.

Permita- me apenas um reparo:

O 4 – Gaspar Afonso do processo de 1674 não pode ser o 4 do processo de 1756 (Gaspar Afonso Pinheiro) .

Gaspar Afonso Pinheiro( filho de Manuel Pinheiro e de Beatriz Martins) casou em 25.10.1638 com Catarina Vaz (filha de Gaspar Afonso e de Maria Vaz).

Muito dificilmente poderia ter um neto que decorridos 38 anos, após o seu casamento fosse candidato a FSO e até já casado.


Julgo que Gaspar Afonso (4 do processo de 1674) seria sogro de Gaspar Afonso Pinheiro (4 do processo de 1756).



Nos registos paroquiais de Alte encontro efectivamente um casal GASPAR AFONSO cc MARIA VAZ (pais de Catarina Vaz cc Gaspar Afonso Pinheiro) a serem pais de
Domingos Vaz que em 7/11/1632 casou com Isabel Andrez, filha de Gaspar Vaz e de s/ m.er Margarida Andrez.

Estes últimos Gaspar Vaz cc Margarida Andrez são homónimos (ou serão os próprios?) do Capitão Gaspar Vaz cc Margarida Andrez , avós maternos de Antão Vaz Cavaco , natural de Salir FSO em 18-7-1674.

A ser correcta ( como penso) esta ligação, Antão Vaz Cavaco FSO em 1674 casado com Beatriz Correia seria primo direito de Antão Vaz Cavaco , nascido em Alte em 16/10/1652 e casado também em Alte aos 30/7/1681 com Isabel Lourenço.

Os meus cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175070 | melisa | 02 Dez 2007 23:06 | Em resposta a: #175069

Caro Miguel Cabrita Matias

Esqueci-me de referir o 4º Antão Vaz Cavaco.

Trata-se do filho de Brites Pinheiro e de seu marido Francisco Gonçalves, nascido em Alte aos 9/10/1678 e padrinho solteiro (refere os nomes dos pais) em Alte aos 24/3/1702 de Agostinho, filho de Maria de Sousa cc Paulo Gonçalves (casaram em Alte aos 2/5/1695) , neto materno de Gaspar Vaz do Espargal (Alte) cc Inês Neta.

Desconfio que Brites Pinheiro seja a Brites baptizada em Alte aos 16/1/1650 e filha de Gaspar Afonso Pinheiro e de s/ m.er Catarina Vaz.

Brites Pinheiro aparece também com o nome de Brites Martins (nome da mãe de sua presumível avó paterna).


Encontrei ainda um outro Antão Vaz (sem Cavaco) a apadrinhar em 13/1/1656, mas sem referir qualquer outra identificação.

Renovados cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175075 | zmcm | 02 Dez 2007 23:47 | Em resposta a: #175069

Cara Maria Elisa, obrigado pelas suas conclusões, deve ser mesmo esse o verdadeiro parentesco entre os dois Antão.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175174 | melisa | 03 Dez 2007 23:52 | Em resposta a: #175075

Caros Miguel Cabrita Matias e Rafael Carvalho

Encontrei em Alte o casamento de Gaspar Afonso com Maria Vaz.
Ele filho de PEDRO AFONSO e Isabel Afonso e ela filha de Domingos (?) Vaz e Catarina Vaz.

Ocorreu em data que não se pode precisar (por estar comida a primeira linha do texto) algures entre 31/5 e 14/11/1610 (atas dos casamentos imediatamente anterior e posterior ).

Afinal Pedro Afonso era bisavõ paterno e não avõ de Antão Vaz Cavaco.



Julgo ter encontrado também o casamento de Manuel Pinheiro (pai de Gaspar Afonso Pinheiro).

O mesmo ocorreu também em Alte sendo ele da freguesia de Santa Bárbara de ,.... aos 29/1(?)/1602.

Só que neste período os casamentos ainda não mencionavam os pais dos nubentes, e o nome da noiva está de tal modo esbatido que não se percebe se seria Brites Martins.

Foram testemunhas João Medeiros e Vicente Martins.

Julgo que este último será Vicente Martins Cavaco casado com Bárbara Andrez se cujo filho ANTÃO, Manuel Pinheiro foi padrinho em 20/11/1611.

Também num registo de Baptismo em 29/5/1628, Gaspar Afonso Cavaco foi padrinho de filho de uma serva do Padre ANTÃO VAZ.

Este Gaspar Afonso Cavaco era filho de João Martins Cavaco , falecido em 28/3/1616 e de quem foi testamenteiro.

Aparece várias vezes a tesemunhar nas décadas de 20 e 30.

Foi também testemunha do casamerto de Domingos Vaz e Isabel Andrez (pais de Antão Vaz Cavaco FSO de 1674)

Sabia assinar assim como seu pai .

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175190 | josécyr | 04 Dez 2007 09:00 | Em resposta a: #175174

Caros, Maria Elisa, Miguel Cabrita e Rafael Carvalho,
Quero pedir ajuda para o seguinte, pois creio que tem a ver com o tema aqui estudado:

Manuel Rodrigues Mestre, viúvo de Isabel Gonçalves (falecida em Querença, a 19-12-1722) , referidos ambos como sendo do sítio do Almargem, Querença, casa em Loulé, a 19 de Fevereiro de 1727, com Catarina Mendes, filha de António Mendes e de Isabel dos Santos, estes todos da Malhada Velha, Loulé. Foram testemunhas: Lourenço André da Costa, de Querença, Domingos Mendes e João Correia de Loulé.

Nunca achei este 1.º casamento (?) do dito Manuel Rodrigues Mestre com a Isabel Gonçalves, em Querença, por falta de R.P., mas encontrei o seguinte:

Manuel Rodrigues Mestre, filho de Antão Vaz Cavaco e de Maria Mestre, naturais todos de Almargem, Querença, casa em São Brás do Alportel, a 25-09-1715, com Maria Viegas de Brito, filha de António de Brito e de Maria Viegas, referidos estes como sendo da Fonte do Mouro, São Brás de Alportel. Foram testemunhas no casamento com Maria Viegas de Brito, solteira: Manuel das Neves, da Gralheira, Domingos Vaz Cavaco, do sítio da Tôr, em Querença.

Visto que estão com a “mão na massa” poderão dizer-me algo sobre isto? Tenho este ramo parado por não encontrar nada sobre os ascendentes do dito Manuel Rodrigues Mestre.

Obrigado e um grande abraço para vós,
Zé Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175231 | melisa | 04 Dez 2007 18:32 | Em resposta a: #175190

Caro José Cabecinha

Este Antão Vaz Cavaco será certamente desta família, agora por onde?

O principal problema é não haver registos de casamento em Alte no período entre 1652 e 1692.

Vou estar atenta a todos os Antão nascidos em Alte e ver se poderá haver ligação.

Consegue saber os nomes dos filhos de Manuel Rodrigues Mestre?

Talvez ajude a ligar com hipotéticos pais de Antão Vaz Cavaco.

Os meus cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175233 | zmcm | 04 Dez 2007 18:41 | Em resposta a: #175190

Caro José Cabecinha:
Não será descendente do Antão Vaz Cavaco que era natural de Alte mas casado em Odemira/Almodôvar e que foi FSO? digo isto apenas pelo apelido "Mestre" muito comum nesta zona do Alentejo.
Penso que tenho algures uns apontamentos deste processo de habilitação para FSO, irei procurá-los e verificar se o nome da mulher é o mesmo ou não.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175250 | zmcm | 04 Dez 2007 22:00 | Em resposta a: #175174

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado por partilhar as suas descobertas.
Gostaria apenas de saber quem era e que parentesco tinha com esta família esse Gaspar Afonso Cavaco.

cumprimentos,
Miguel C Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175251 | zmcm | 04 Dez 2007 22:02 | Em resposta a: #175250

Peço desculpa, mas o dito Gaspar é o casado com Maria Guterres e pai de Manuel Martins Cavaco?

obg

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175252 | zmcm | 04 Dez 2007 22:11 | Em resposta a: #175174

Cara Maria Elisa:
O Antão filho de Vicente Martins Cavaco é Antão Vaz Cavaco FSO (proc de 1641 mç1 doc 5), natural de Alte mas morador em Panóias - Campo de Ourique, casado com Serafina Ferreira filha de Pedro de Castro Ferreira e de Rufina Guerreiro.

Qual o parentesco deste Vicente com os nossos?
obg
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175266 | rafael | 04 Dez 2007 23:36 | Em resposta a: #175252

Cara M.Elisa e Miguel Cabrita Matias

Vem ref.º neste Proc.º o tratamento de Dona- a Dona Ignês Cavaca,nat. de Benafim-Alte,onde confirma a nobreza desta Família.Tenho algures a fotocópia, que terei de procurar com tempo.

Cumprimenos amigos ,do
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175269 | melisa | 04 Dez 2007 23:52 | Em resposta a: #175250

Caro Miguel Cabrita

Embora não tenha encontrado o casamento de Gaspar Afonso Cavaco com Maria Guterres, julgo que que se este o filho de João Martins Cavaco.

Já quanto à relação entre Gaspar Afonso Cavaco e Vicente Martins Cavaco (pai deste Antão Vaz Cavaco que agora fez o favor de referir) julgo que não seriam irmãos pois penso que Vicente Martins Cavaco seria mais velho que Gaspar Afonso Cavaco e nesse caso não faria sentido que fosse o Gaspar o testamenteiro de seu pai e não o Vicente.

De qualquer forma adivinha-se parentesco muito próximo até pela política de apadrinhamentos.

Teriam estatuto social semelhante pois tanto o Gaspar Afonso Cavaco como seu pai e Vicente Martins Cavaco sabiam assinar (isto numa freguesia onde tal era muito raro) e possuiam servos.

Também faria parte de família o padre Antão Vaz (que não sei se era Cavaco).

Mas como há ainda muitos registos mais antigos que ainda não vi, poderá ser que haja alguma indicação a esse respeito.

O que for encontrando irei informando.


Aproveito para dizer que encontrei o baptismo de Isabel Andrez (casada em 7/11/1632 com Domingos Vaz e mãe de Antão Vaz Cavaco FSO de 1674) em 22/3/1617, foram padrinhos João Martins e Margarida Guerreira .

Este João Martins não é o pai de Gaspar Afonso Cavaco pois este tinha falecido em 1616.

Encontrei também o baptismo de um seu irmão de nome Marcos em 18/12/1622.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175278 | rafael | 05 Dez 2007 01:04 | Em resposta a: #175266

Apont.º tirado do Proc.º de Hab. FSO, do meu avô -DOMINGOS RODRIGUES GUERREIRO,F.S.O, de Benafim-Alte, mas que veio a casar com a miha avò ANA NETTA.

BRITES MARTINS CAVACA-.nat. tb. de Benafim,filha de Marcos Roiz ,nat. da freg. de Salir e de MARIA CAVACA ,de Benafim. Neta paterna de Martinho Agosto, da freg. de Salir e de Maria SALEM ( com fama de família judaica, "mas que se provou ser falso"),da freg. de Salir ,neta materna de Manuel Martins Cavaco ,de Benafim e de Catarina Martins ,de São Bartolomeu de Messines.
De famílias nobres e autorizadas das referidas freguesias.

Desejo-vos uma Boa noite.

Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175280 | rafael | 05 Dez 2007 01:27 | Em resposta a: #175278

Do Proc.º para F.S.O de ANTÃO BARBOSA da COSTA - TT

Eperguntando ele testemunha pelo sexto artigo disse que Antão Barbosa da Costa é filho legitimo de Jacome Barbosa Fragoso,nat. de Alvito ou Estremoz,onde foi morador e de Dona Innes Cavaca, moradora nesta vila de Panóias, mas natural do termo da vila de Loulé, de Benafim.(actualizei a grafia).Diz a testemunha que não conheceu Vicente Martins Cavaco nem Bárbara Andreza Barriga,avós mat. de Antão Barbosa da Costa, e disse que Antão VAZ CAVACO (é um dos Antão Vaz Cavaco Familiares do Santo Ofícioda freg. de Alte)e que foi tb. Cav.º da Ordem de CRISTO.

Do Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175281 | rafael | 05 Dez 2007 01:33 | Em resposta a: #175251

Caro Miguel

Parece-me que sim.Irei ver a fotocópia do casamento deles, que não tenho à mão, porque tenho-os como meus antepassados.

Um abraço.
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175282 | melisa | 05 Dez 2007 01:42 | Em resposta a: #175278

Caro Rafael

Domingos Rodrigues Guerreiro foi FSO em que data?

Que relação familiar tinha com Brites Martins Cavaca?

Encontrei efectivamente um casal Maria Cavaca/Marcos Rodrigues com uma filha de nome Brites Martins Cavaca que casou em Alte aos 7/5/1708 com João Rodrigues de Aragão fº de outro João Rodrigues de Aragão e Domingas Guerreira.

Pela filiação que apresenta, fá-la-ia irmã de Isabel Lourenço cc Antão Vaz Cavaco (sogros do Cap. Manuel Pires Cortezão).

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175283 | melisa | 05 Dez 2007 01:44 | Em resposta a: #175282

Em tempo

Refiro-me a Maria Cavaca.
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175287 | rafael | 05 Dez 2007 02:04 | Em resposta a: #175282

Cara M.Elisa

Esta noite, não será provável desenvolver isto, mas amanhã penso que terei mais disponibilidade para fazê-lo . Há minutos ,por ex. que me veio parar às mãos e que tinha sobre a secretária, sem ter reparado, a filiação de Dona Ines Vaz Cavaca, de seu nome completo, que aqui colocarei.
Como me deito quase sempre tardíssimo e se não tratar de outros assuntos, pode ser que ainda aqui venha, esta noite.

Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175292 | rafael | 05 Dez 2007 04:23 | Em resposta a: #175287

Cara M.Elisa

DOMINGOS RODRIGUES GUERREIRO -meu 8.º avô -FSO, por carta de 18 de Março de 1702.

Filho de Domingos Roiz e de Catarina dos Santos, moradores que foram no dito Benafim,neto paterno de Leonardo Roiz Pincho e de Leonor Pincha, prov. sua prima ,moradores que foram em Alfontes, freg. de Boliqueime,termo de Loulé. Neto mterno de Gaspar Guerreiro e de Maria dos Santos, moradores no referido Benafim.

Casou com ANA NETTA, ´minha 8.ª avó filha de João Netto Callado e de Domingas Vicente ,moradores que foram na Portela, freg. de São Bart. de Messsines ,este João Neto foi nascido no Monte do Romano,freg. de Silves e criado na referida Portela em casa de um seu avô por nome Domingos Agosto .
Neta pat. de Bartolomeu Affonço e de Domingas Lourenço,moradores que foram no Monte do Romano,termo de Silvese neta mat. de João Vicente e de Isabel Miz, moradores que foram na Portela,freg. de São Bartolomeu de Messines.

O meu avô Domingos Rodrigues Guerreiro também foi casado com BRITES MARTINS CAVACA c.g.

Da família -MARTINS CAVACO, de Benafim-Alte descende tb. a terceira marquesa de São Payo Dona Maria do Carmo de Sarrea Caldeira Castel-Branco.


Obs: Leonardo Roiz Pincho ,referido acima pode ter sido irmão de Tomé Roiz Pincho , que fundou um Monte da Piedade,aos 25.4.1702, em Algoz e que terá sido sepultado na ermida de São José fundada pelo seu genro o fidalgo Pedro Correa Mascarenhas.

O Leonardo e o Tomé poderão ser filhos de JOÃO PINCHO e de MARIA de OLIVEIRA que foram avós de MARIA de OLIVEIRA MARREIROS que casou em 1690 com o Fidalgo Pedro Correa Mascarenhas cap.ão-Mor de Algoz ,filha de Manuel Rodrigues Pincho e de M.ª da Esperança Marrreiros.

Cumprimentos amigos.
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175295 | josécyr | 05 Dez 2007 09:06 | Em resposta a: #175233

Caros Melisa e Miguel,
Muito obrigado pela V. ajuda. A única filha do casal Manuel Rodrigues Mestre e Catarina Mendes, (não encontrei outros filhos do casal até agora) será Maria Mendes, casada com Manuel Correia, e estes pais de uma Bárbara Gonçalves. Não creio que por aqui se vá a algum lado.
Julguei sim que, pelas testemunhas nos casamentos, tivessem algum elo de ligação a gente dos lados que estão investigando.
Agora interessante é o facto de, segundo creio, esta gente estar muito ligada a Santa Bárbara de Nexe e a São Brás de Alportel. Julgo que o vosso Bartolomeu Afonso, casado com Maria Vaz, pais de Margarida Andreza, fará um outro casamento com Leonor Lourenço, filha de Gaspara Lourenço e de Bárbara Fernandes(?), em São Brás, a 07-09-1632.
Já agora, em Alte, Benafim, viram algo de um casal Estevão vaz casado com Ana Gomes, circa 1660?. São outros avós meus, pais de uma Maria Vaz, que casa em Loulé, a 25-09-1695, com Manuel Correia, este de Loulé. Os padrinhos são interessantes - (R.P. - Pag.136v -Testemunhas: Capitão João Lobo de Cabreira, Manuel Mendes Neto e madrinha Ana Fernandes).
Caros amigos, uma vez mais obrigado pela vossa ajuda nestes assuntos.
Um abraço cordial,
Zé Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175390 | zmcm | 05 Dez 2007 22:43 | Em resposta a: #175295

Caro José Cabecinha, infelizmente não tenho dados que o possam ajudar.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175392 | zmcm | 05 Dez 2007 23:06 | Em resposta a: #175269

Cara Maria Elisa
obrigado pelas suas informações que são sempre preciosas.
irmãos de Isabel Andrez que menciona tenho além desse Marcos :
1 - Domingos Vaz que casou em Alte com Madalena da Silva filha de Baltazar Afonso e de(??),
2 -Simão Vaz ( mencionado na Habilitação FSO do Antão sobrinho).
3 - Fernão Vaz ( mencionado na Habilitação FSO do Antão sobrinho)

Mas em que data nasceu o Antão filho de Domingos Vaz e de Isabel Andrêz?

A Margarida Andrez casada com o Gaspar Vaz não pode ser filha de Bartolomeu Afonso Santos e Maria Andrêz, já que estes casaram em Alte em 1695 e a dita Margarida terá casado por volta de 1670(???).

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias.

PS - Será que não encontra o casamento da dita Margarida para deslindar este mistério??

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175406 | melisa | 06 Dez 2007 01:56 | Em resposta a: #175392

Caro Miguel Cabrita

Antão filho de Domingos Vaz e Isabel Andrez deverá ter nascido em Salir , onde os pais teriam residido logo após o casamento pois não os encontro a baptizar filhos em Alte.

Sabemos que casaram em Alte aos 7/11/1632.

Por sua vez a sua mulher Brites Correia nasceu depois de 13/9/1639, data do casamento dos seus pais em Alte.

Se nasceu em Salir antes de 1640, que será o mais provavel, nunca encontraremos o seu baptismo pois só há registos a partir dessa data.

Entretanto estive a ver na TT on line , no 1º livro dos inventários de habilitações a FSO, os dados que aí constam relativos ao Antão Vaz Cavaco FSO em 1641 casado com Serafina Ferreira, de Panóias.

Julgo que nesse índice haverá algumas incorecções nomeadamente quanto ao nome do pai que diz ser Jacinto Martins Cavaco casado com Bárbara Andreza.

Como não encontrei até agora nenhum Jacinto e por aquilo que o Miguel informou numa outra intervenção seria mesmo o ANTÃO b. em 20/11/1611, filho de VICENTE MARTINS CAVACO E BÁRBARA ANDREZA.

Nesse índice refere também o nome dos avós, sendo que os avós paternos seriam VICENTE MARTINS CAVACO e MÉCIA VAZ. e os maternos seriam DOMINGOS VAZ e CATARINA VAZ.

Encontrei em 21/12/1577 o baptismo de um Manuel filho de VICENTE MARTINS (sem Cavaco) e de s/m.er MÉCIA VAZ, pelo que se conclui que Manuel seria irmão do Vicente Martins Cavaco pai de Antão.

Agora em relação aos avós maternos são os mesmos que são pais da Maria Vaz que casou em 1610 com Gaspar Afonso e consequentemente os avós de Domingos Vaz cc Isabel Andrez, levando a que por via materna o Antão Vaz Cavaco FSO de 1641(casado com Serafina Ferreira) seja primo direiro do pai do Antão Vaz Cavaco FSO de 1674 (casado com Brites Correia).

Está de certo modo respondida a questão de qual a relação familiar entre os vários A.V.C.

Penso no entanto que as relações familiares não ficarão por aqui, mas não sei se se as conseguiremos provar documentalmente.

Pesquizando os meus Martins Cavaco, sei agora (por amadrinhamentos) que a "minha" Isabel Gonçalves Cavaco casada com Domingos Vaz - cujo casamento deu origem deste tópico e embora não o tenha encontrado pois terá ocorrido antes de 1692 caindo no tal buraco de falta de registos (o primeiro filho que lhes encontro nasceu em 8/8/1692), era a filha do 2º casamento de JOÃO MARTINS CAVACO, de Benafim com ISABEL GONÇALVES natural da feguesia de Ameixial, ocorrido em 1/10/1649, sendo ele viúvo de Catarina Andrez.

Isabel Gonçalves Cavaco foi a 6ª filha tendo nascido em 8/5/1672.

Não encontrei ainda o primeiro casamento de João Martins Cavaco pelo que não tenho prova de quem seriam os seus pais.

No entanto no primeiro casamento teve :

- Maria . b.16/11/1642 (padrinhos Gaspar Afonso e Inês vaz)

- Mécia, b.20/11/1644 . padrinho Antão Vaz (seria o FSO de 1641 ou ainda outro) e Ines Vaz.

-ANTÃO, postos os santos óleos a b.26/2/1648 e baptizado em casa por MARIA GUTERRES mulher de GASPAR AFONSO CAVACOe de foi padrinho Sebastião Afonso da Corte Figueira freguesia de s.Barnabé.


Pelo seu nome e dos filhos, por Maria Guterres e pelo padrinho Antão Vaz, julgo que poderá ser filho de Gaspar Afonso Cavaco e Maria Guterres. A ver vamos.


Agora situe-me: Qual é a Margarida Andrez casada com Gaspar Vaz e que julga ter casado por volta de 1670?

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175407 | melisa | 06 Dez 2007 01:58 | Em resposta a: #175406

"errata"
pesquisando em vez de pesquizando (deve ser da hora...)

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175408 | melisa | 06 Dez 2007 02:54 | Em resposta a: #175295

Caro José Cabecinha

Também há Mestres em Alte no século XVII.

Parecendo que não a Bárbara Gonçalves poderá ser importante pois é nome que aparece com frequência ligado a esta gente de Alte em que os nomes se repetem quase ciclicamente.

Vou estar atenta para ver se consigo alguma ligação.

Na minha anterior intervenção acabei de referir um Antão, de quem não sei mais nada, nascido em 1644 filho do primeiro casamento de João Martins Cavaco com Catarina Vaz.
Julgo que poderá ter chegado à idade adulta pois nos sete filhos seguintes o pai não repetiu o nome.


Quanto a Estevão Vaz casado com Ana Gomes,moradores em Benafim, até agora apenas tenho anotado o baptismo de Maria nascida a 3/2/1678 que provavelmente será a sua Maria Vaz.

Foram padrinhos Gaspar Vaz e Ana Fernandes casada com Manuel Pires (pais do Capitão Manuel Pires Cortezão), todos de Benafim.

Este Gaspar Vaz julgo ser o casado com Margarida Martins, com filhos a nascer pela mesma altura.

Já agora sobre o Bartolomeu Afonso: o que encontrou no registo do seu 2º casamento com Leonor Lourenço?

O que sei é que Margarida Andrez deverá ter casado o mais tardar em 1615 (sua filha nasceu em 1617)mas provavelmente antes.

O Miguel Cabrita Matias é que nos poderá esclarecer se a filiação de Margarida Andrez consta do processo de FSO de seu neto ou resulta de dedução, pois até agora não se encontrou o casamento dela com Gaspar Vaz.


Um abraço

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175417 | josécyr | 06 Dez 2007 10:20 | Em resposta a: #175408

Cara Elisa,
Se me dá como data (ainda que provável) 1615 para o casamento de Bartolomeu Afonso com Maria Vaz, julgo que ainda temos uma margem (ainda que bastante grande) para o casamento realizado com Leonor Lourenço, em São Brás de Alportel, a 07-09-1632.
Já agora, Leonor Lourenço, era filha de Gaspar Lourenço e de Bárbara Fernandes (ou outro nome, pois não o consegui ler muito bem), e foram testemunhas no seu casamento, João Afonso e Manuel Neto.
O Noivo era referido como sendo de Alte e viúvo, não referindo de quem.
Pelas minhas contas e tendo o Baltazar Afonso casado com Maria Vaz, em 1615, com a idade de 25 anos, teria pois nascido circa 1590.
Se assim tivesse sido, poderia muito bem, aos 42 anos, ter casado com a sobredita Leonor Lourenço. Não sei, a minha amiga o dirá.
Obrigado pelos dados sobre o Antão Vaz, nascido em 1644, filho de João Martins Cavaco e de Catarina Vaz. Poderá ser o que encontrei, pena é que não tenha nada na descendência que aponte para uma recorrência dos nomes dos ascendentes.
Não sei se alguma vez irei encontrar a correcta paternidade do meu Manuel Rodrigues Mestre, mas confio que sim. Para tal agradeço muito a sua ajuda bem como a dos outros nossos confrades.
Se encontrar algo mais sobre os meus Estevão Vaz e Ana Gomes, mande-me pois a data de nascimento da “Maria” é sem dúvida a da minha Maria Vaz, que teria 17 anos quando casa em Loulé, a 25-09-1645, com o Manuel Correia, viúvo de Maria Dias, filho de Manuel Gonçalves e de Maria Rodrigues, da Apra, Loulé.
Cumprimentos, Zé Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175418 | josécyr | 06 Dez 2007 10:22 | Em resposta a: #175390

Caro Miguel Cabrita Dias, muito obrigado pela sua resposta. José Cabecinha.

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175453 | melisa | 06 Dez 2007 14:55 | Em resposta a: #175417

Caro José Cabecinha

Expliquei-me mal!

Quem deveria ter casado o mais tardar em 1615 foi Gaspar Vaz com Margarida Andrez que seria hipotética filha do Bartolomeu Afonso que casou 2 ª vez com Leonor Lourenço.

Não creio pelo indicado que fosse pai de Margarida Andrez.

Nessas datas encontram-se em Alte muitos individuos de apelido Afonso, alguns dos quais ligados a Salir.

Talvez se encontre o 1ª casamento desse Bartolomeu Afonso e se consiga relacionar com outros Afonso já identificados.

Em relação aos seus ascendentes vou estar atenta nas pesquisas que ainda fizer em Alte e ver se os consigo relacionar.

Também eu tenho outros ascendentes em Alte que ainda não consegui relacionar como por exemplo o marido de Isabel Gonçalves Cavaco de seu nome Domingos Vaz e uma Maria Tavares Correia que tudo indica seria da família de Brites Correia (casada com o FSO Antão Vaz Cavaco, alferes e FSO por carta de 1674), mas ainda não sei como.

Os meus cumprimentos

M.Ellisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175484 | zmcm | 06 Dez 2007 20:51 | Em resposta a: #175266

Caro Rafael:
Como vai? há já muito que não sei de si.
Só agora reparei na sua mensagem que agradeço.

um grande abraço
Miguel

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175493 | zmcm | 06 Dez 2007 23:00 | Em resposta a: #175406

Cara Maria Elisa:
De acordo com o processo de HSO de Antão, filho de Domingos Vaz e Isabel Andrêz(18-7-1674) :
- Antão ( o habilitando) terá nascido em Salir,
- Brittes Correia sua mulher terá nascido em Alte, era filha do Alferes António Rodrigues e de Maria Tavares (ambos de Alte), neta paterna de Domingos Lourenço e Margarida Rodrigues e materna de José Correia e Maria Tavares, todos de Alte.
Infelizmente não tirei as confirmações através dos registos de baptismos de Antão e Brittes nem respectivas datas que devem encontrar-se no processo. Creio no entanto que tenho algures fotocópias desse processo pelo que vou tentar encontra-lo no próximo fds.
a 4ª testemunha do processo foi Bartolomeu Fernandes parente em 3º grau de consanguinidade de Isabel Andrêz,
11ª testemunha foi Paulo Andrêz, morador em Lagoa mas natural de Paderne com cerca de 67 anos. Disse que o pai de Domingos Vaz (Gaspar Afonso) tinha uma fazenda no Serro do Ouro na freguesia de Paderne. Confirma ainda que Gaspar Vaz é capitão de Ordenanças e casado com Margarida Andrêz filha de Bartolomeu Afonso "O Boa Vida". Disse esta testemunha ser parente do habilitando no 4º grau de consanguinidade.


relativamente a Margarida Andrez casada com Gaspar Vaz a confusão é outra:
repare s.f.f o que se encontra na Genea em:
http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=169978,
temos um Bartolomeu Afonso Santos a casar em Alte em 2ªs nupcias com Maria Andreza e que se encontram no Genea como bisavós de :
http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=107432 cujo casamento como se vê foi em 1731....como é possível que um casal casado em 1695, possa ter um bisneto a casar em 1731, apenas 36 anos mais tarde?? Já por mais de uma vez disse aqui no forum que:
ou este Pascoal (http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=107432) não casou em 1735 mas muito mais tarde, ou o mesmo não pode ser bisneto de Maria Andreza(http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=19140) que foi casada com Bartolomeu Afonso Santos ( aqui alcunhado de "o Boa vida") por confusão com Bartolomeu Affonso "o boa vida" que acima indico...

talvez um pouco confuso mas a hora não ajuda nada depois de 10h metido num escritório, pelo que peço desculpa....

cump.
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175502 | melisa | 06 Dez 2007 23:55 | Em resposta a: #175493

Caro Miguel Cabrita Matias

Compreendi perfeiitamente o que expôs.

Deverão tratar-se certamente de casais homónimos, estando a BD do Genea errada.

Encontrei realmente um casal Domingos Vaz / Madalena da Silva, moradores nas Sernadas, freguesia de Alte, com um filho, entre outros, de nome Pascoal Andrés .

Não tenho a data do seu nascimento, mas ele apadrinhou solteiro (referindo nesse registo o nome de ambos os pais do padrinho) em 21/6/1709 um filho de Sebastião Afonso cc Margarida Andrêz, moradores no Freixo, pelo que teria nascido ainda mais cedo do que se encontra na BD.

Voltou a apadrinhar em Alte, ainda solteiro, aos 10/1/1721 (aqui dá só o nome de seu pai Domingos Vaz morador nas Sernadas) com sua irmã Domingas Martins,solteira, que também aparece noutros como Domingas da Silva.

Pelo anteriormente referido , seu pai Domingos Vaz , que o mais tardar terá nascido C de 1670/80, mas provavelmente antes, nunca poderia ser neto de um casal a casar em 1695, pelo que terá havido aqui um entroncamento muito apressado.

Vou ver se consigo mais dados nos registos paroquiais de Alte.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175525 | josécyr | 07 Dez 2007 08:42 | Em resposta a: #175453

Cara M. Ellisa,
Obrigado pela sua correcção e pela sua boa vontade em me ajudar no possível. Quanto aos nomes que refere na sua mensagem, lamento mas nada tenho que a possa ajudar.
Cumprimentos,
Zé Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175550 | melisa | 07 Dez 2007 15:45 | Em resposta a: #175292

Caro Rafael

Obrigado por mais estes dados.

Encontrei o casamento de um filho de Domingos Rodrigues Guerreiro, ( referido como FSO nesse registo de casamento) e de s/ m.er Isabel da Fonseca.

Este filho, de nome José Guerreiro de Brito, nascido em Alte aos 24/8/1714, casou também em Alte aos 1/5/1741 com Brites Martins Cavaco, natural de Alte onde nasceu aos 7/9/1708, filha de DOMINGOS VAZ e de sua m.er ISABEL GONÇALVES CAVACO, moradores em Benafim ( estes são os meus antepassados que originaram a abertura deste tópico).


Por acaso não tem a data do casamento de Domingos Rodrigues Guerreiro com Ana Neta?
Curiosamente da mesma época em Alte aparecem vários Domingos Rodrigues.

Eentre eles um Domingos Rodrigues casado com Margarida Martins, mas estes moradores na Júlia, sítio da freguesia de Alte.

Estes, entre outros filhos, foram pais de Maria Rodrigues que casou em Alte, aos 10/9/1727 com MANUEL MARTINS CAVACO, nascido em Benafim aos 6/9/1705 (meu ascendente) filho ele também de DOMINGOS VAZ e de sua m.er ISABEL GONÇALVES CAVACO, moradores em Benafim.

São portanto dois irmãos que casam com filhos de dois DOMINGOS RODRIGUES diferentes e da mesma época.

Alte, como outras freguesias pequenas tem muita gente com o mesmo nome e que por vezes só podemos distinguir uns dos outros , indo aos baptismos dos filhos e verificando que se tratam de casais diferentes, pois têm filhos na mesma altura e com diferença de poucos meses.

Um grande abraço

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175564 | rafael | 07 Dez 2007 18:21 | Em resposta a: #175550

Cara M.Elisa

Pelos vistos, há muito tempo que o suspeitava, somos primos e tb.pela família-MARTINS CAVACO. Fico muito satisfeito por confirmá-lo.
Vou ver se consigo ainda hoje responder à sua msg.
Num dos processos de Hab. FSO segundo penso do avô Domingos Rodrigues Guerreiro;ainda esta noite é provável consultar o Proc. fotocopiado se o tiver aqui nesta casa. Diz-se num desses Processos em nota final que o Habilitando ........é primo de quase todos de Benafim-Alte.

Um grande abraço
Rafael

Resposta

Link directo:

RE:Pascoal Andrez fºde Domingos Vaz/Madalena Silva

#175574 | melisa | 07 Dez 2007 19:43 | Em resposta a: #175493

Caro Miguel Cabrita Matias


Domingos Vaz e Madalena da Silva, devem ter casado no período em que faltam registos de casamento em Alte e caso o tenham feito nesta freguesia.

Deste casal, moradores nas Sernadas sitio da freguesia de Alte, como já antes tinha referido encontrei vários filhos:

- Pascoal Andrez, padrinho solteiro em 21/6/1709 (dá o nome de ambos os pais), e também solteiro, padrinho com sua irmã Domingas da Silva (que também aparece como Domingas Martins) em 9/2/1718.

Nasceu na freguesia de Alte aos 1/12/1686.

- Domingas da Silva (ou Martins), nasceu no mesmo lugar aos 5/6/1689

- Maria , nasceu aos 27/6/1693.

- Manuel , s.m.n. nasceu no mesmo local 2/1/1698


Temos assim esclarecido que este Pascoal Andrez nascendo em 1686 nunca poderia ser bisneto de quem casou em 1695.

MADALENA DA SILVA , sua mãe, suspeito que poderia ser familiar muito próxima do Capitão António da Silva morador na Corte dos Braganções freguesia de Alte, pois um dos seus filhos foi apadrinhado por ele (a Domingas da Silva) e outro por seu filho Cristóvão da Silva .

O capitão António da Silva foi casado com Maria Vaz.

Nos registos paroquiais aparece ainda um capitão António da Silva casado com Catarina Gonçalves, também morador na Corte dos Braganções a ser pai a partir de 1694.

Não sei se será o mesmo noutro casamento,o mais provavel pois aparece nos dois casos com a patente de capitão) ou um seu filho de mesmo nome.

O certo é que quando em 1689 apadrinha Domingas da Silva o faz na condição de casado, sendo que a madrinha foi uma Catarina Gonçalves,solteira, fª de Bartolomeu Gonçalves.
Esta Catarina Gonçalves poderá ser a mesma que referi acima e foi casada com o capitão António da Silva.

Quanto a DOMINGOS VAZ, a tentativa de encontrar a sua família apenas pelos registos paroquiais será bem mais complexa, pela enorme quantidade de Domingos que nasceram em Alte, bem como pelo facto de nessa época coexistirem vários Domingos Vaz (entre os quais se encontram o da nossa confrade Fernanda bem como o “meu”).

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#175588 | zmcm | 07 Dez 2007 22:36 | Em resposta a: #175502

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado pelos dados que enviou e agradeço-lhe desde já a ajuda que me pode dar a deslindar este caso que tenho em stand-by por resolver há já uns anos.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE:Pascoal Andrez fºde Domingos Vaz/Madalena Silva

#175594 | zmcm | 07 Dez 2007 23:01 | Em resposta a: #175574

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado mais uma vez pela preciosa ajuda.
Tenho o dito Pascoal Andrêz a casar com Maria de Lima Cavaco (filha de Bartolomeu Rodrigues e Bárbara Gonçalves de SBM - de onde lhe virá o Lima Cavaco??) em Alte a 29-10-1731 ( teria 45 anos o que me parece velho para um primeiro casamento naquela época...)
Tenho ainda a Madalena da Silva mãe de Pascoal Andrêz como filha de um Baltazar Afonso mas nada tenho da sua mãe provavelmente familiar do tal Cap. António da Silva, curioso é que nesta época aparece também um Cap. António da Silva a apadrinhar em S.B.M. e nunca descobri quem ele seria.
O certo é que a dita Madalena teve descendência a casar em S.B.M. e também não encontro uma razão pausível para tal.
Muito obrigado se me puder dar uma ajuda nisto.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE:Pascoal Andrez fºde Domingos Vaz/Madalena Silva

#175601 | melisa | 08 Dez 2007 00:17 | Em resposta a: #175594

Caro Miguel Cabrita Matias

Havendo em Alte um Baltazar Afonso casado com Maria Coelha cujo fº de nome Vicente Afonso casou em Alte aos ../9/1605 com Domingas Matosa é muito natural que em meados do século XVII se encontrem vários Baltazar Afonso que poderão (ou não) descender deste casal.

Por outro lado Manuel Martins Cavaco (fº de Gaspar Afonso Cavaco e Maria Guterres)
casou em Alte aos 17/11/1652 com Catarina Martins de S.Bartolomeu de Messines fª de bALTAZAR AFONSO e Brites Lourenço moradores em S.B. Messines.

Entre os vários Baltazar Afonso que encontrei até agora, tenho registado um Baltazar Afonso morador nas SERNADAS (onde também foram moradores o Domingos Vaz cc Madalena da Silva) a ser padrinho em 15/4/1666 de um fº de Domingos Afonso e Domingas Martins , moradores no Freixo (Alte).

Não tenho mais nada registado sobre ele.

Existiu ainda um Baltazar Afonso casado com Maria Martins, moradores na Nogueira , freguesia de Alte que foram pais de uma Maria da Silva que casou em Alte aos 22/11/1695 com Manuel Gonçalves.

Silva é um apelido raro nesta freguesia nessa época.


Também Madalena é nome muito pouco vulgar nesta freguesia, lembro-me de ter visto por voltade 1650/60 o registo de um baptismo que poderá ser o de Madalena da Silva, mas de que não tirei apontamento.

Irei procurá-lo.

Cumprimentos

M.Elisa

Em tempo: Embora não muito frequentemente, encontrei vários homens a casar pela primeira vez depois dos 4O anos.

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#176056 | rafael | 11 Dez 2007 18:35 | Em resposta a: #175550

Cara M.Elisa

Coloco estes apontamentos que encontrei dispersos e poderão ter utilidade tb. para outros confrades.Seguem de modo aleatório conforme os vou lendo misturados que estão com outros apontamentos.Peço-lhe desculpa de não irem ordenados por ordem cronológica mas, assim,aproveito logo agora enviá-los.

PAROQs de Alte

Bartolomeu Guerreiro cc Maria Pinheira aos 10.8.1727.Dispensados por SS no terceiro grau de consg. Fig. neste reg. os Rev.os Padres José Pereira Amado, coadjutor da freg. e Manuel Afonso Machado, deste lugar.

Manuel Martins Agosto cc Beatriz Lourença ,aos 12.10.1722, filho de Martinho Afonso e de Ignez Vaz ,da Peninha e ela filha de Manuel da Ponte e de Maria Lourença, da Brazieira (?),freg. de Salir.Pad. Manuel Martins Cavaco e o Ca.ão Manuel Martins Cortesão,ambos de Benafim,limites desta freg.de Alte.

Pascoal Andrez Silva ( aparece quase sempre sem-Silva) cc Maria de Lima Cavaca -são meus avòs, de onde vem o -Lima-não sei.Cas. aos 29.10.1731. Ele filho de Domingos Vaz Silva e de Madalena da Silva .das Sarnadas e ela filha de Baltazar Rodrigues e de Barbara Gonçalves, de Messine e sempre assistente no Freixo .Test. as o Doutor Manuel Rodrigues Cordovil e Duarte de Melo Ribadeneira Côrte-Real ,de Alte. Actualizo quase sempre os apelidos sempre que posso e não me esqueço.

Bartolomeu Afonso Santos cc Maria AndrezaSilva aos 18.4.1695.Ela filha de Bartolomeu dos Santos e de Maria de Mesquita e ela filha de Baltazar Afonso e de Vitoria Andreza ,moradores que foram nas Sarnadas,freg. de Alte.
Test.Gaspar Afonso Barriga, do s´tio do Vale da Lama,Silves e o Rev. Pad. João Rodrigues Alvaleide, do lugar de Alfontinhos.

Bartolomeu Afonso cc Maria Agosta aos 29.9.1704.Ele filho de Manuel Afonso e de Maria Gregória,da freg. de São Bart. de Messines. Há um sítio desta freguesia chamado-Gregórios- e os deste apelido daqui grandes lavradores riquíssimos e deles se fala ,bem assim do cap.ão Afonso Lourenço,tb. dali,se diz deles no Proc.º do Cap-ão -Mor de Ourique-André Guerreiro Camacho para casar com Maria Afonso Faleira minha tia.avó ,por afinidade,que esta família s~
ao "das mais nobres, do termo de Silves".Maria Agosta ,filha de Manuel Afonso e de Ana Rodrigues,da freg. de Salir.

Obs: como é fácil de reparar, vão notas intercalares da minha lavra e responsabilidade.

António da Silva ( foi alferes e viúvo de Agueda Martins e ambos foram meus avós) cc Maria de Lemos aos 25.2.1713. Ele filho do Cap.ão António da Silva e de Maria Vaz.Ela filha de Manuel Domingues Sermenho e de Maria de Lemos.

Felício Rodrigues( será o que fundou um Monte da Piedade, em São Bart. de Messines ?)cc Maria Gonçalves aos 22.1.1721.Ela filha de Simão Roiz e de Isabel dos Santos e neta mat. do cap.ão António da Silva e de Catarina Gonçalves, ele dos Braganções,freg. de Alte e ela do Monte de Boi, freg. de São Bart. de Messines.

Pascoal Andrez cc Maria dos Santos aos 16.7.1623 ele filho de Belchior Andrez e de Isabel Nobre e ela filha de Gaspar Martins e de Maria dos Santos.

João Martins Cavaco,viúvo de Cat. Vaz cc Isabel Gonçalves aos 31.10.1649. Ele filho de Gaspar Afonso Cavaco e de Maria Guterrez e ela filha de Bartolomeu de........( não percebi o apelido abreviado) e de Maria Gonçalves, da freg. do Maxial.

Com amizade
Rafael

Continua a seguir, mas isto segue já, não seja caso de me descuidar e tocar onde não devo e perder este trabalho, como já tem sucedido e fico....... :-)

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#176069 | melisa | 11 Dez 2007 20:51 | Em resposta a: #176056

Caro Rafael

Obrigado por mais este contributo.

Vou ver o que tenho destes seus familiares a fim de podermos completar, na medida do possível a nossa informação .

Cumprimentos

M.Elisa

Em tempo:

Claro que seremos parentes, pois numa fraguesia pequena como Alte, tendo ascendentes aí nascidos nos finais do século XVIII ( meu caso) e com pais e avós desta freguesia seria impossível que as nossas famílias não se cruzassem em algum dos ramos.

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#176093 | rafael | 12 Dez 2007 00:34 | Em resposta a: #176069

Cara M.Elisa

Cont.ção de Benafim e Alte

Domingos Rodrigues Guerreiro cc Luisa da Silva aos 17.1.1724.Ele filho de DOMINGOS GUERREIRO, da freg. de Benafim e de ANA NETA ( são meus avós ).
Ela,LUISA,filha do alferes António da Silva e de Agueda Martins ,moradores no Espragal.Test. o Padre Lourenço Guerrreiro e o Cura Manuel Martins Dourado.
Luisa era viúva de Manuel Vicente,do Espragal,cas. aos 19.3.1719 este filho de Gaspar Vaz e de Ignes Neta.

António da Silva ,alferes,cc Agueda Martins,que nasceu aos 6.2.1677.Ele filho do cap.ão António da Silva e de Maria Vaz (acima referidos), cas. aos 31.5.1701.Ela,Agueda,filha de João das Nevese de Maria Martins, do Espragal,que nasceu aos 6.2.1677,tendo como pad.os António Guerreiro,dos Torneiros e Domings Martins filha de Antonio Pires e de Barbara Martins, do Espragal.
Antonio da Silva cc Agueda Martins na presença do Padre João Dias Sermenho ,ajudador na Paroquial de Alte e test.as Padre Luís Lourenço Guerreiro (jaz sepultado na Ermida de Nossa Senhora da Glória)e Antão Vaz Cavaco,de Benafim.

Aos 13.11.1675 nasceu-Francisco-filho do cap.ão António Silva,da Torre e de sua mulher Maria Vaz .Pad. Antonio Guerreiro,dos Torneiros e sua mulher Beatriz Afonso,desta freguesia.

Jose da Silva Lemos cc Catarina Martins aos 24.2.1743, dispensados por SS em o terc.º grau de consg.Ele filho do alferes Antonio da Silva e de Maria de Lemos. Eu sou neto deste alferes ,mas da outra mulher Agueda Martins.Catarina filha do Cap.ão Manuel Pires Cortesão e de Catarina Martins Cavaco.Test. o Padre mANUEL mARTINS cAVACO,de Benafim Grande e o Padre Manuel Pires Guerreiro de Aboim,de Benafil Pequeno,da mesma paroquial de Alte. Este padre jaz na ref. Ermida de Nossa sENHORA DA gLÓRIA e na pedra epigrafada aparecem as iniciais destes apelidos.Encontrei escravos deste padre.

Manuel Martins Agosto cc Maria Joaquina aos 24.1.1749.Ela filha de Manuel Martins Carvalho e de Maria Vaz e ela filha de Felis da Fonseca e de Maria de Oliveira.

Na ermida de Nossa Senhora da Glória cas. Manuel Pires com Maria Gomes aos 4.2.1749.Ele filho de Manuel Pires,morador na Nave das Sovereiras e de Ana Gonçalves e ela filha de João Rodrigues e de Beatriz Gomes, moradores em Benafim.Dispensados em 4.º grau de consanguinidade pelo Senhor Núncio Apostolico.

Houve um - Manuel Pires que esteve presente nas últimas Cortes e chamado- O CORTESÃO. Ler num dos proc. FSO de um dos-Antão Vaz Cavaco,onde me parece ter tirado esta informação.Ele a mulher das Principais Famílias deste Povo e grandes lavradores.
Salvo erro no Proc.FSO de Domingos Rodrigues Guerreiro diz-se que o habilitando" é parente de quase todos deste povo".

Manuel Guerreiro Mogo cc Iria da Silva Lima aos 8.10.1755.Ele filho de João Mogo e de Ana Gonçalves,da freg. de São Bart. de Messines.Ela filha de Pascoal Andre da Silva e de Maria de Lima ( aparece tb. como Maria de Lima Cavaco,meus avós).Não sei de onde vem o apelido -Lima, moradores no Freixo.

Hierónimo Afonso Cortesão cc Maria Agosto aos 24.11.1756,moradores no Pé da Serra. Ele viúvo de Maria Nunes, do Pé da Serra,freg. de Salir ,são meus abós).Ela filha de Manuel Martins Agosto e de Beatriz Lourenço, moradores na Corte Brito,freg. de Alte.



Manuel Vicente cc Barbara Gonçalves aos 25.11.1742.Ele filho de Manuel Vicente e de Maria Adains,morador na Texugueira..Ela filha de Manuel Martins e de Francisca Gonçalves, moradora nos Soudos.

Pedro Guerreiro LEÃO cc Isabel Nunes Lopes aos 4.5.1739. Ele filho de Domingos Guerreiro e de Catarina Gomes e ela filha de Bartolomeu Lopes e de Filipa Nunes, todos de Alte.

Bartolomeu Afonso que foi casado com Maria Agosto, referidos na msg. anterior era primo-irmão do cap.âo Manuel Pires Cortesão e Ana Fernandes avó pat. de Isabel Lourenço Cavaco ,mulher de do cap.ão jOÃO fERNANDES vEIGA FSO de Estômbar,era irmã inteira de Maria Gregória sogra de Maria Agosto e que "era das gerações mai autorizasas ,ricas e antigas da freg. de São Bartolomeu de Messines e que nesta freguesia têm mais de quinze moios de trigo de foros e rendas.E muito tementesa Deus.Ana Fernandes nasceu aos 16.7.1651, filha de Bartolomeu Lopes e de Margarida Fernandes ,nat. e mor. na Carrasqueira. Este meu avô Bartolomeu Lopes será da família(?) do alferes Francisco Lopes Amado que foi morador em São Bartolomeu de Messines, mas natural de Faro, e que vive de suas fazendas que que aqui tem "

Por agora é tudo.Espero que estes apontamentos há muito tempo tirados não apresentem alguma incongruência, ao correr da pena.

Cumprimentos

Rafael Carvalho







.

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#176098 | rafael | 12 Dez 2007 01:12 | Em resposta a: #176093

Cara M.Elisa

É como diz: seremos primos.Ás vezes nos apercebemos disso relativamente a outros confrades,mas não conseguimos documentar tal presunção e uma pesquisa na multidão da BD do Genea incomportável,para mim.Felizmente que via telefónica, ou por mail há parentes que se vão identificando e até enviando valiosas informações e trabalhos, que me dão verdadeira satisfação e mais, realço e grato fico, quando alguém que NÃO é parente ou ainda não está autenticado ( por falta de documentação )me avisa que pensa ser meu parentee por que ramo, ou medá notícias de outros parentes que nem de longe nem de perto eu supunha serem meus consanguíneos.
É um dos aliciantes da pesquisa genealógica que nos irmana.

Uma boa noite e agradeço que me dê informação do que souber e puder informar-me.Aqui, ou/e por mail.

Rafael

Vão os meus endereços

rafaelgcarvalhoarrobagmailpontocom ou rafaelgcarvalho@netcabopontopt

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177137 | melisa | 19 Dez 2007 14:22 | Em resposta a: #176098

Caro Rafael e Miguel Cabrita Matias

Embora já algum tempo não dê notícias do que tenho encontrado nos Paroquiais, continuo às voltas com Alte.

Encontrei em Alte o primeiro casamento de João Martins Cavaco , morador em Benafim (que do seu 2º casamento com Isabel Gonçalves em 31.10.1649, como muito bem refere o Rafael, foi pai da "minha" Isabel Gonçalves Cavaco).

Este casamento com Catarina Vaz é muito importante pois é aí que dá a sua filiação, omissa no 2ª casamento.

Assim em 15/2/1638 casaram em Alte, João Martins Cavaco (neste casamento referido apenas como João, provavelmente por ser muito novo) fº de Gaspar Afonso Cavaco e de s/m.er Maria Guterres com Catarina Vaz, natural de Alte , fª de Vicente Martins Cavaco cc Bárbara Andrez, já defuntos à data.


Foram testemunhas Manuel de Ataide de Sárria (morgado de Alte) e Sebastião Afonso.

Este João Martins Cavaco seria assim neto paterno do outro João Martins Cavaco, falecido em 28/3/1616 de que foi testamenteiro Gaspar Afonso Cavaco, seu fº (e pai do noivo ).

Por seu lado a noiva, sendo filha de Vicente Martins Cavaco e de Bárbara Andrez , era neta paterna de o outro Vicente Martins Cavaco, mais velho casado com Mécia Vaz e irmã inteira do FSO de 1641 Antão Vaz Cavaco morador em Panóias.

Por seu lado o noivo João Martins Cavaco era irmão de Manuel Martins (Cavaco) casado em 17/11/1652 com Catarina Martins, * de S.B. Messines,e pais de Isabel Lourenço casada com Antão Vaz Cavaco (sogros do cap. Manuel Pires Cortezão).

Pena que nesta época os casamentos de Alte não refiram dispensas por consanguínidade, pois poder-se-ia deslindar o parentesco entre o Vicente Martins Cavaco (pai da noiva ) e João Martins Cavaco (avô do noivo).

Por não ter consultado os processos de FSO, mas apenas visto os índices dos mesmos tenho algums dúvidas em que o FSO de Panóias (Antão Vaz Cavaco ) fosse irmão inteiro de D.Inês Cavaca, admitindo que o fosse apenas por parte de seu pai.

Enfim será dúvida a esclarecer na minha próxima deslocação à Torre do Tombo o que não acontecerá já este ano.


Outro casamento que julgo importante para deslindar as ligações destas famílias é o de Vicente Martins Cavaco que em 8/10/1640 casou com Isabel Álvares, (foram moradores no Espragal-Alte) sendo ele filho de Rui Gomes e de MÉCIA VAZ e ela de Luís Álvares e Inês Fernandes.

O nome e apelido de Vicente aliado ao nome de sua mãe fazem-me desconfiar que seja descendente do Vicente Martins Cavaco mais antigo casado com Mécia Vaz (avós de Antão Vaz Cavaco FSO de Panóias). Seria neto ou bisneto dos mesmos.

Curiosamente quer Vicente Martins Cavaco/ Isabel Álvares quer João Martins Cavaco/ Catarina Vaz foram pais de filhos [Antão e Mécia (outro indício)respectivamente] ambos baptizados em 20/11/1644 e de que foi padrinho Antão Vaz Cavaco e Inês Vaz.


Nesta época não encontro outros baptismos que refiram Antão Vaz Cavaco como padrinho e pela data só poderá ser o Antão Vaz Cavaco de Panóias, provavelmente numa sua deslocação à freguesia de Alte.

Antão Vaz Cavaco era tio materno desta Mécia então baptizada e provavelmente primo direiro do pai do Antão nessa data baptizado.

Vou continuar a consultar os registos de Alte

Com os meus cumpimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177317 | zmcm | 20 Dez 2007 23:36 | Em resposta a: #177137

Cara Maria Elisa, obrigado por partilhar connosco as suas pesquisas.

cump
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177321 | melisa | 21 Dez 2007 00:16 | Em resposta a: #177317

Caro miguel Cabrita Matias

Não tem nada que agradecer, pois também eu tenho apendido muito com o que aqui têm colocado ao longo dos anos.

E é na troca da informação que vamos colhendo que se torna possível conhecer melhor os nossos avoengos.

Aproveito para desejar um bom Natal.

Os meus cumprimentos

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177322 | zmcm | 21 Dez 2007 00:17 | Em resposta a: #177137

Caros Maria Elisa e Rafael:
como diz o Rafael e bem a genealogia é como as cerejas....
então aqui deito mais umas achegas que poderão ajudar-me a descobrir algo que á anos procuro sem sucesso:

Quitéria dos Santos ( minha antepassada) casa em 22-2-1789 em SBM com Francisco Cabrita filho de Manuel Martins Guerreiro e Ignácia de São José de Souza Cabrita moradores em SBM.
relativamente a esta Quitéria e por ordem tenho:
1 - Quitéria dos Santos
2 - José Martins Cortezão
3 - Margarida Gonçalves
4 -António Martins Cortezão
5 - Iria Rodrigues
6 - Domingos Gonçalves
7 - Bárbara Andrêz
14 - Manuel Guerreiro ( de Alte)
15 - Domingas Andrêz ( de Alte)
28 - António Dias
29 - Luísa Francisca
30 - António Afonso
31 - Maria Dias

6 e 7 casam em S.B.M em 23-9-1739, ela era natural de Alte.

Nunca encontrei o casamento de 4 e 5 mas é óbvio que com estes apelidos e com as ligações de familiares directos a Alte ele seria dessa família de Alte.

Agradeço as ajudas possíveis,

muito obrigado

Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177323 | zmcm | 21 Dez 2007 00:25 | Em resposta a: #177322

as minhas desculpas pelos lapsos :
onde está: "...a descobrir algo que á anos..." deverá ler-se "...a descobrir algo que há anos..."

e ainda as falhas:28, 29, 30 e 31 indicados na mensagem eram todos de Alte.

muito obrigado
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177325 | melisa | 21 Dez 2007 00:37 | Em resposta a: #177322

Caro Miguel Cabrita Matias

Assim à primeira não tenho nada registado.

Mas como do século XVIII tenho pouca coisa para além do meus ascendentes directos e irmãos, estarei atenta quando lá chegar.

Neste momento estou a fazer o levantamento de todos o casamentos até 1653.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#177440 | zmcm | 21 Dez 2007 21:08 | Em resposta a: #177325

M Elisa:
Agradeço a sua atenção.
De facto Alte é uma freguesia em que peguei muito pouco daí a razão desta minha falta de informação.

cumprimentos,
Miguel CM

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177461 | melisa | 21 Dez 2007 23:43 | Em resposta a: #177440

Caro Miguel

O problema é que o tempo não é elástico e há que fazer opções.

Também eu só agora peguei em Alte, por absoluta falta de tempo,

Por outro lado apercebo-me que o cruzamento de gente de Alte com gente de S. Bartolomeu de Messines e de Salir é tão intenso que Alte só se poderá estudar se também "vermos" estas freguesias, que eu nunca pesquisei.

De qualquer modo pelo facto de actualmente poder pesquisar os paroquiais em casa aumenta o meu tempo disponível para este fim.

Tinha ficado de procurar dados sobre o casal Madalena da Silva/ Domingos Vaz.

Caso tenha nascido em Alte e dado que Madalena não é um nome vulgar nesta freguesia apenas encontrei a partir de 1635 uma Madalena crismada em 1638 que me parece muito velha para ser mãe em 1698.( filho Manuel * 2/1/1698).

Há depois uma Madalena b. 17/11/1652. filha de Bartolomeu Martins e de Margarida Andrez que também acho um pouco velha de mais mas possível.

Encontrei ainda outra Madalena b. 27/12/1657 filha de Bartolomeu Gonçalves e de Bárbara Andrez.

É esta que suspeito que seja a Madalena da Silva, até porque os pais são moradores nas Sernadas tal como Madalena da Silva e Domingos Vaz.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177483 | zmcm | 22 Dez 2007 01:06 | Em resposta a: #177461

Cara Maria Elisa:
De facto o tempo condiciona muito este trabalho, no meu caso também só quando comecei a trabalhar em casa consegui adiantar alguma coisa.
De S B Messines estou bem documentado, tenho os casamentos praticamente todos digitalizados.
Se necessitar de alguma coisa de SBM diga, ou se quiser posso enviar-lhe um CD com todas as digitalizações que tenho.
Maria Elisa comprou os micro filmes e digitalizou ou comprou as digitalizações?

cumprimentos e obrigado pelas dicas....creio que a Madalena da Silva é mesmo a ultima que indica.

Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177485 | zmcm | 22 Dez 2007 01:09 | Em resposta a: #177461

esqueci-me de dizer que tenho esta Madalena como filha de um Bartolomeu Afonso o que não exclui essa que encontrou como filha de bartolomeu Gonçalves...não são poucos os registos que mencionam a mesma pessoa com apelidos ora do lado do pai ora da mãe...
cumprimentos,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177488 | melisa | 22 Dez 2007 02:17 | Em resposta a: #177483

Caro Miguel Cabrita Matias

Infelizmente não tenho nada digitalizado. Compro os micro filmes e vejo no leitor de micro filmes.
Depois vou "informatizando" os dados.

Sobre S.Bartolomeu agradeço a sua oferta e o ideal seria mesmo o CD pois como disse anteriormente são muitos os casos de ligação com S.Bartolomeu de Messines.


Ainda sobre a ligações familiares de Madalena da Silva, existem dois casais que poderão ter ligação com Bárbara Andrez:

Pascoal Andrez Silva que casou em 21/4/1624 (Alte) com Margarida Martins, mas do registo deste casamento não constam os pais dos noivos.
Até agora só tenho registado uma filha também Margarida b 19/9/1639, sendo padrinhos João Martins Cavaco e Vitória Andrez.

Esta Margarida ou outra do mesmo nome seria a Margarida Martins madrinha solteira em 30/5/1666 de Bárbara , filha de Marcos Afonso e s.m.er Bárbara Fernandes.




Outro casal também sugestivo e mais antigo é Pascoal Andrés casado com Madalena Dias, pais de Isabel b. 29/10/1581 e de Bárbara Andrez que solteira foi madrinha em 1590.

Seria esta Bárbara Andrez a casada com Inácio da Silva moradores nas Sernadas? e pais de;

- Joana b. 27/11/1600

- joão da Silva que casou (I) em 23/1/1634 com Maria Martins, fª de João Martins cc Catarina Jorge de Alte e (II) em 21/7/1636 com Leonor Mendes de Querença (não refere pais.

Do primeiro casamento foram testemunhas Alberto Pires , PASCOAL ANDREZ SILVA , e Manuel Ataíde de Sárria (morgado de Alte).

Seria João da Silva irmão de Pascoal Andrez Silva?

São muitas as questões que necessitam de ser confirmadas.

Cumprimentos
M.Elisa

Em tempo: A filha Margarida do Capitão António da Silva foi b.em 2/12/1668 sendo padrinhos Pascoal Vaz de Silves e Maria Lourenço de S.Bartolomeu de Messines, infelizmente não refere nem nome de pais ou marido nem se era solteira ou casada.

Todos os outros filhos foram apadrinhados por gente que julgo ser de Alte.

O capitão António da Silva deverá ter casado com Maria Vaz por volta de 1660, não sei se em Alte se noutra freguesia. Só no baptismo dos últimos filhos é que é referido como capitão. Teria casado em S.Bartolomeu?

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177521 | nunoinacio | 22 Dez 2007 14:55 | Em resposta a: #177483

Caro Miguel Cabrita Matias

Desculpe intrometer-me na vossa conversa.
Como provavelmente já terá constatado pela troca de mensagens que tenho tido com outros membros do fórum, nomeadamente com a Maria Elisa, tenho estado a fazer levantamentos completos das freguesias onde tenho ascendencia.
Neste momento tenho completos os levantamentos do Alferce e da Senhora do Verde, encontrando-me a elaborar São Marcos da Serra.
Um dos próximos passos será Messines, onde tenho ascendentes e de onde provem a maioria dos ascendentes de São Marcos da Serra e do Alferce.
Ao contrário da Maria Elisa, que vê os microfilmes em leitor próprio, eu tenho digitalizado os microfilmes, processo que sai bastante demoroso, além de caro. Assim, qualquer trabalho já realizado que se possa aproveitar, será bastante bem vindo.
Ficava-lhe agradecido se me fornecesse as digitalizações de que dispõe de Messines, oferecendo-lhe desde já o que tenho das freguesias de São Marcos e Senhora do Verde.

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177596 | zmcm | 22 Dez 2007 23:41 | Em resposta a: #177521

Caro Nuno inácio:
mande-me um mail com a sua morada para:
jmccmarrobaoniduopontopt

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177597 | zmcm | 22 Dez 2007 23:42 | Em resposta a: #177488

Cara Maria Elisa:
Andei em tempo a ver leitores de microfilmes portáteis com a ideia de adquirir um.
Comprou o seu onde? que marca?

obg
Miguel CM

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177609 | melisa | 23 Dez 2007 02:19 | Em resposta a: #177597

Caro Miguel

Comprei-o à Scansystem.

Infelizmente não estou a conseguir abrir a página da Scansystem Portugal, mas o modelo é este:

http://www.scansystem.com.br/PDFsBrasil/microvuerf35.pdf e à morada e o endereço:

· Avenida Doutor Mário Moutinho Lote 1732-r/c-B, Lisboa 1400-136 LISBOA
Telefone 213032245 portugal@scansystem.com

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Madalena da Silva

#177818 | zmcm | 26 Dez 2007 11:02 | Em resposta a: #177609

Cara Maria Elisa:
muito obrigado pela informação.
Aproveito para lhe desejar um Santo Natal.

Miguel CM

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180298 | melisa | 13 Jan 2008 20:34 | Em resposta a: #175484

Caro Miguel Cabrita Matias

Peço desculpa de só agora lhe responder e por esta via, mas esqueço-me frequentemente de ir ver os mails e só agora o fiz.
Coloco aqui os dados que encontrei pois poderão interessar a outros confrades.

Não encontrei o casamento de Gaspar Vaz com Margarida Andrez, mas encontrei o 2º casamento de Gaspar Vaz em 25/4/1633 com Maria Vaz ( mãe do seu genro Domingos Vaz).
Gaspar Vaz foi morador na Corte- freguesia de Alte.(1622)

Nesse casamento ele é dado como filho de Vasco Anes e Ana Dias.

Por sua vez Maria Vaz é fª de Domingos Vaz e Catarina Vaz.

Neste casamento os nubentes são dados como viúvos sem mencionar de quem, no entanto não restam dúvidas de quem foram os respectivos cônjuges, não só porque Maria Vaz é mãe no seu 1º casamento de Domingos Vaz (que recebeu o nome do avô materno)) como Gaspar Vaz no seu 1º casamento tem um filho de nome Vasco Anes ( como seu avô paterno).

A filiação deste Vasco Anes consta do seu 2º casamento em Alte a 7/5/1640.

Como filhos do 1º casamento de Gaspar Vaz temos:

- Vasco Anes acima, que viúvo casou com Ana Rodrigues, solteira de Boliqueime fª de Baltazar Rodrigues e Brites Álvares.

- Isabel Andrez, b.22/3/1617 (por si referida) cc (Alte 7/11/1632) Domingos Vaz fº do 1ª casamento da Maria Vaz (depois madrasta de Isabel Andrez).
E pais de Antão Vaz Cavaco (FSO de 1674).

- Marcos, b. Alte em 18/12/1622 (s.m.n)

- Maria Vaz que casou (Alte 25/10/1626) com Domingos Afonso, de Paderne, fº de Luís Neto cc Bárbara Rodrigues (?).

- Simão Vaz cc (Alte 26/10/1631) Maria Vaz, fª de André Álvares e Catarina Vaz, moradores nas Sarnadas, freguesia de Alte.
Foram moradores nas Sarnadas.

Até agora não encontrei mais nenhum filho do casal Vasco Anes/Ana Dias.

Encontrei no entanto um Vasco Anes cc Maria Vaz, cujo fº Domingos Vaz casou em Alte aos 25/10/1612 com Inês Dias fª de João Dias e Margarida Gomes.

Embora sem confirmação documental julgo tratar-se do mesmo.

Encontrei também vários irmãos de Maria Vaz, 2ª mulher de Gaspar Vaz.


Relativamente a Bartolomeu Gonçalves casado com Bárbara Andrez, moradores nas SARNADAS , e pais de uma Madalena b. 27/12/1657 e que apontei como mais provavel para ser Madalena da Silva, ainda me restam algumas dúvidas que seja esta Madalena pois há outra forte candidata ( A Madalena b. 17/11/1652 e fª de Bartolomeu Martins e Margarida Andrez).

Bartolomeu Gonçalves e Bárbara Andrez devem ter casado já depois de 1653 no período de que faltam registos de casamentos.

Entretanto estou a ver os baptismos para ver se tiro mais alguma referência.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180303 | ffarrajota | 13 Jan 2008 21:38 | Em resposta a: #180298

Cara Maria Elisa:
Por acaso encontrou algum Gaspar Vaz cc. Inês Neta, do Pragal-Alte, deveriam ter casado por volta de 1660. Têm duas filhas a Maria de Sousa cc.Paulo Gonçalves, de Benafim-Alte (filho de João Gonçalves e Maria Banha Rocha, da Portela-Boliqueime), em 2/5/1695, igreja Nossa Senhora d'Assunção-Alte. A outra filha Isabel Vicente cc. Francisco Gonçalves (filho de Francisco Gonçalves e de Vitória Andreza) em 15/1/1708, na mesma igreja de Alte.
Também tenho uma Maria Vaz cc.Brás Rodrigues, de Alte casamento por volta de 1690, têm um filho o Manuel Rodrigues cc. Maria Lourenço, da Nave dos Cordeiros, em 5/9/1724, Alte.
Se por acaso tiver alguma informação agradecia informação.
Os meus melhores cumprimentos,
Fernanda Farrajota

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180304 | ffarrajota | 13 Jan 2008 21:42 | Em resposta a: #180298

esqueci os nomes dos pais de Maria Lourenço, Manuel Lourenço e Margarida Martins, de Alte.
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#180309 | ffarrajota | 13 Jan 2008 22:19 | Em resposta a: #174191

Cara Maria Elisa:
ao reler a sua mensagem verifiquei que tenho uma Bárbara Santos cc. Belchior Correia Neto (deve ser o Baltasar Correia que refere), certamente que li mal. Tenho o casamento do Belchior (viúvo de Bárbara Santos) que deverá ser o Baltazar cc. Maria Rodrigues, de Benafim-Alte, 4/5/1731,igreja Nossa Sra. Assunção-Alte, test. Rev. Manuel Mendes Pousado, padre desta igreja e o capitão Manuel Pires. A Maria Rodrigues filha de Inácio Rodrigues e Ana Dias, de Benafim Grande-Alte. Tem por acaso a filiação do Baltasar Correia.
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180329 | zmcm | 14 Jan 2008 00:57 | Em resposta a: #180298

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado mais uma vez pelas suas diligências em ajudar-me neste puzzle que há já alguns anos tento desvendar.

cump
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180455 | melisa | 15 Jan 2008 01:03 | Em resposta a: #180304

Cara Fernanda

Por uns dias encontro-me fora de casa e sem acesso à minha BD e aos microfilmes e também dificilmente terei acesso à Net.

Logo que chegar irei ver o que tenho.

No entanto como fora das minhas linhas estou a ver dos registos mais antigos para os mais recentes penso que ainda terei muito pouco sobre as pessoa em questão.

Talvez um pouco mais tarde consiga fazer a ligação entre os que casaram até meados da do século XVII e a geração seguinte.

Intriga-me particularmente o seu Domingos Vaz.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180457 | melisa | 15 Jan 2008 01:11 | Em resposta a: #180329

Caro Miguel Cabrita Matias

Espero um destes dias em que irei passar por Lx poder dar uma saltada à TT para consultar as habilitaões a FSO à luz dos novos dados conhecidos e tentar encontrar mais alguma coisa.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#180489 | zmcm | 15 Jan 2008 10:54 | Em resposta a: #180457

Cara Maria Elisa:
É de facto importante a consulta desses processos. Infelizmente apesar de me encontrar em Lx não tenho qualquer possibilidade de ir á TT nos próximos tempos.

Fico a aguardar as suas boas notícias,

cump
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#182384 | melisa | 28 Jan 2008 20:28 | Em resposta a: #180489

Caro Miguel Cabrita Matias

Eis alguns dados retirados dos processos de habilitação a FSO:


HABILITAÇÃO a FSO do Alferes Antão Vaz Cavaco , natural de Salir e morador em Loulé, casado com Brites Correia

Maço 1 – diligência 6
Carta de Familiar de 18/7/1674

O proprio declara:

Ser filho de Domingos Vaz e de s/m.er Isabel Andreza, do mesmo lugar de Salir

Neto paterno de Pedro Afonso, de Alte e de Catarina Vaz , de Paderne. ª)

Neto Materno de Gaspar Vaz e de Margarida Andreza, de Alte

Sua mulher Brites Correia, natural de Alte:

Filha de : António Rodrigues e maria Tavares , de Alte

Neta paterna de: Domingos Lourenço e Margarida Rodrigues

Neta materna de : José Correia e Maria Tavares


Inquirição das testemunhas em Salir e o que de mais relevante disseram:


Testemunha Madalena Lourenço de 78 anos , moradora em Salir:

Disse:
Que Antão Vaz Cavaco nasceu no Monte do Poço em Salir.
Que conheceu Domingos Vaz do poço, na data viúvo,
Que conheceu a s/ 1ª mulher Isabel Andreza, naturais e moradores em Alte, donde há 35 ou 40 anos vieram viver para a freguesia de Salir na fazenda do poço onde vive o dito Domingos Vaz , por a comprar, cujo ofício foi e é o exercício da lavoura e vive de suas fazendas.
Não conheceu bem Pedro Afonso e catarina Vaz por serem de Alte, mas sempre ouvira dizer serem pais do dito Domingos Vaz.
Que Gaspar Vaz e Margarida Andreza naturais de Alte são os avós maternos do habilitando.

Que todos são cristãos velhos e lavradores fartos.
Que o habiliandoé homem de boa vida e costumes e foi estudante em Évora alguns anos.
Que seu marido ( Sebastião Viegas) é ainda parente do pai do habilitando mas em grau remotíssimo que não sabe precisar.

Testemunha Sebastião Viegas de +- 80 anos , marido da anterior testemunha e compadre do pai do habilitando.
Disse:
Os pais do habilitando eram naturais de Alte.
Que não comhecia Pedro Afonso mas que a avó paterna do habilitandose chamava MARIA VAZ e não Catarina Vaz e que eram naturais de Alte.

A dita Maria Vaz já viúva veio com seu filho Domingos Vaz viver em Salir e que a conhecia de ir visitar os pais do habilitando, seus compadres, e que estes eram filho e nora da dita Maria Vaz..

Quanto aos avós maternos do habilitando conhecia a Gaspar Vaz, capitão que fora da freguesia de Alte, mas não conhecia a fulana Andreza, avó materna, pois eram ambos de Alte.

Disse ainda que a sua 2ª mulher (teve quatro) era parente em grau remoto do pai do habilitando.

Testemunha ANDRÉ MARTINS, parente em 3º garu do habilitando, de cerca de 75 anos, lavrador, morador em S.Sebastião, termo de Loulé.

Refere também que avó paterna do habilitando é MARIA VAZ.

Testemunha BARTOLOMEU FERNANDES, morador em Salir , lavrador .
Confirma dados do habilitando.

Testemunha MARGARIDA ESTEVENS, viúva de Manuel Mendes, moradora em Salir de +- 80 anos.
Refere que os avós maternos se chamavam GASPAR VAZ e MARGARIDA ANDREZA e viveram na freguesia de Alte no sítio da Corte.

Testemunha BELCHIOR AFONSO, morador no sítio da Pena em Salir , de +- 90 anos.

Que conhecia bem o Antão Vaz que não é Cavaco porque os Cavacos são “aprontes” de Vicente Martins Cavaco, de quem é filho Antão Vaz Cavaco do sítio de Panóias e que Domingos Vaz pai do habilitando é SOBRINHO da mulher deste Vicente Martins, pelo que fica não sendo Cavaco e que este se “abregou” nesta forma por assim o requerer (?) .


Disse que PEDRO AFONSO era AVÔ e não pai de Domingos Vaz, porquanto o pai se chamava GASPAR AFONSO, casado com MARIA VAZ , que esta era filha de CATARINA VAZ e era natural de Paderne (?)
Que Gaspar Afonso (seria ele que era natural de Paderne?) veio a casar com Maria Vaz, da Penina freguesia de Alte.

Lembrava-se que tendo enviuvado Gaspar Vaz , avô materno do habilitando, da sua 1ª mulher, casara com Maria Vaz que era mãe do dito Domingos Vaz (e portanto avó paterna do habilitando)..


Infelizmente por absoluta falta de tempo (tinham chegado as 19, 30 h) não cheguei ao fim da leitura deste processo e que irei continuar numa próxima ida à TT.


De qualquer forma esta parte do processo já nos permite estabelecer e corrigir algumas coisas .

Sobretudo esta última testemunha revela-se muito importante pois vem confirmar os dados retirados dos Registos Paroquiais.

Em 28/11 passado eu referi (3º situação) ter encontrado um casamento em Alte:

1- Gaspar Afonso cc Maria Vaz, moradores na Penina , pais de:

2- Domingos Vaz casou (Alte 7/11/1632) com Isabel Andrez * de Alte ,fª de Gaspar Vaz cc Margarida Andrez, de Alte.

Referi ainda:

“Admito que o Pedro Afonso referido no caso I se chamasse na realidade Gaspar Afonso (referido em III) pois em 1674 , data do processo, teria falecido há muito, e a memória nem sempre é boa, sendo esse o casamento dos pais do FSO.”

E referi em 3/12/2007:

“Encontrei em Alte o casamento de Gaspar Afonso com Maria Vaz.
Ele filho de PEDRO AFONSO e Isabel Afonso e ela filha de Domingos (?) Vaz e Catarina Vaz.

Ocorreu em data que não se pode precisar (por estar comida a primeira linha do texto) algures entre 31/5 e 14/11/1610 (atas dos casamentos imediatamente anterior e posterior ).

Afinal Pedro Afonso era bisavõ paterno e não avõ de Antão Vaz Cavaco.”

Ora esta última testemunha confirma que o próprio habilitando confundiu o seu avô Paterno com o pai daquele, bem como a sua avó materna com a mãe da mesma.

Estabelece também a relação familiar entre Antão Vaz Cavaco de Panóias (FSO em 1641) e o Alferes Antão Vaz Cavaco (FSO de 1674) cc Brites Correia.


Ou seja o primeiro era filho de uma irmã (Bárbara Andrez) da avó paterna do (Maria Vaz ) do segundo.

Esta Maria Vaz era também avó paterna ( por outra filha) de Antão Vaz Cavaco cc Isabel Lourenço.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#182400 | zmcm | 28 Jan 2008 22:17 | Em resposta a: #182384

Cara Maria Elisa:
muito obrigado por estes dados que confiram os anteriores raciocínios.
Conto ir al algarve talvez para a semana, espero ter o prazer de beber um café consigo.

cumprimentos,
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Gaspar Vaz cc Margarida Andrez

#182420 | melisa | 29 Jan 2008 00:18 | Em resposta a: #182400

Caro Miguel

Quando vier, avise terei todo o prazer em irmos beber um café e trocarmos os dados possíveis.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: 5º Antão Vaz Cavaco

#183573 | melisa | 04 Fev 2008 20:23 | Em resposta a: #177317

Caro Miguel Cabrita Matias e restantes interessados nesta famílía

Em 19/12 passado escrevi:

"...Outro casamento que julgo importante para deslindar as ligações destas famílias é o de Vicente Martins Cavaco que em 8/10/1640 casou com Isabel Álvares, (foram moradores no Espragal-Alte) sendo ele filho de Rui Gomes e de MÉCIA VAZ e ela de Luís Álvares e Inês Fernandes.

O nome e apelido de Vicente aliado ao nome de sua mãe fazem-me desconfiar que seja descendente do Vicente Martins Cavaco mais antigo casado com Mécia Vaz (avós de Antão Vaz Cavaco FSO de Panóias). Seria neto ou bisneto dos mesmos.

Curiosamente quer Vicente Martins Cavaco/ Isabel Álvares quer João Martins Cavaco/ Catarina Vaz foram pais de filhos [Antão e Mécia (outro indício)respectivamente] ambos baptizados em 20/11/1644 e de que foi padrinho Antão Vaz Cavaco e Inês Vaz."

Com referi atrás o casal Vicente Martins Cavaco/ Isabel Álvares, moradores no Espargal, Alte, foram pais de um Antão b. em 20/11/1644.

Encontrei agora o rasto deste Antão, trata-se de Antão Vaz Cavaco falecido em Alte a 6/9/1686 sendo testamenteiro seu irmão DOMINGOS VAZ.

Antão Vaz Cavaco era viúvo à data e morador em Ourique tendo sido enterrado "nesta freguesia por morrer em casa de seu pai Vicente Martins Cavaco".


Relativamente ao Antão Vaz Cavaco morador em Ourique, sem qualquer certeza mas apenas por saber que o apelido Mestre é frequente em Ourique poderá ser o ascendente que o confrade José Cabecinha procura.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183576 | LSV | 04 Fev 2008 20:44 | Em resposta a: #175406

Cara M.Elisa

Pela consulta do processo do So de Antão Vaz Cavaco casado com Serafina Ferreira ou Guerreiro, verifica-se efectivamente que ele era filho de Jacinto Martins Cavaco e mulher Bárbara Andrez; neto paterno de Vicente Martins Cavaco e mulher Mécia Vaz; e neto materno de Domingos Vaz e mulher Catarina Vaz, todos do termo de Loulé.
Cumprimentos
Luís Soveral Varella

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183583 | melisa | 04 Fev 2008 22:54 | Em resposta a: #183576

Caro Luís Soveral Varella

Consultei o mês passado o processo de candidatura a FSO de Antão Vaz Cavaco casado com Serafina Ferreira.

Também eu tinha dúvidas sobre a filiação do referido Antão, pois tinha visto na TT on line, no índice das habilitações que ele seria filho Jacinto Martins Cavaco e mulher Bárbara Andrez.

Acontece que no referido processo no seu início aparece realmente com esta filiação, mas na margem está escrito que o pai é Vicente Martins Cavaco,

Lendo o processo, a Testemunha Luís Pires, lavrador, X velho, de mais ou menos 70 anos, morador em Benafim diz:

-O nome do pai é VICENTE e não Jacinto

- Que conheceu bem pais e avós do habilitando que foram lavradores.

- Que o avõ Domingos Vaz foi Juíz de vintena e homem de cavalo.

Ainda de Benafim, foram testemunhas:

- Alberto Pires, lavrador XVelho, mais de 50 anos.

- Bartolomeu Simões , Xvelho, meirinho dos clérigos e escrivão de testamentos de Alte, de 56 anos, que acrescenta que os pais e avós foram todos moradores em Benafim e Peninha , freguesia de Alte.

- Lourenço Estevens, X velho de 51 anos.

- Baltazar Dias X velho de 63 anos casado com Maria Nunes de mais de 50 anos, que acrescenta que Antão Vaz teria + - 27 anos.

- Barão Dias x velho , lavrador de + - 65 anos

- Martim Afonso Queimado X velho , que vive de suas fazendas de + + 50 anos.

Estes dados vêm de encontro aos colhidos nos registos paroquiais.

Cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183604 | melisa | 05 Fev 2008 00:48 | Em resposta a: #175252

Caro Miguel Cabrita Matias

São dois Antão Vaz Cavaco filhos de dois Vicente Martins Cavaco diferentes.

O FSO de 1641, baptizado a 20/11/1611 fº de Vicente Martins Cavaco e s/m.er Bárbara Andrez , neto paterno de Vicente Martins Cavaco e Mécia Vaz e neto materno de Domingos Vaz (juíz de vintena) e Catarina Vaz.

O falecido 6/9/1686, baptizado a 20/11/1644, filho Vicente Martins Cavaco e s/m.er Isabel Álvares, moradores no Espargal, neto paterno de Rui Gomes e Mécia Vaz e neto materno de Luís Álvares cc Inês Fernandes.

O FSO foi padrinho de baptismo com sua irmã Inês Vaz (D.Inês Vaz Cavaca, mãe do FSO Antão Barbosa) deste último Antão Vaz Cavaco b. em 1644.

Embora não saiba qual a relação familiar entre os dois, suspeito que a avó paterna do mais novo ,Mécia Vaz cc Rui Gomes seja filha da outra Mécia Vaz cc Vicente Martins Cavaco (avó paterna do FSO).

Não será a mesma noutro casamento pois enquanto que a avó do FSO é mae (de Manuel) em 21/12/1577, a Mécia mais nova é mãe (de Matias) em 3/3/1621.

Por outro lado caso a Mécia mais nova fosse filha de Mécia Vaz/ Vicente Martins Cavaco justificaria perfeitamente ter um filho também chamado Vicente Martins Cavaco (cc Isabel Álvares).

Em relação a Maria Lourenço cc Antão Vaz Cavaco casados em 30/7/1681 (sogros do Capitão Manuel Pires Cortezão, sendo ela (b . 24/2/1657) filha Manuel Martins Cavaco cc (17/11/1652) Catarina Martins, neta paterna de Gaspar Afonso Cavaco cc Maria Guterres e neta materna de Baltazar Afonso cc Beatriz Lourenço de S.B.Messines.
Bisneta paterna de João Martins Cavaco (falecido a 28/3/1616 testamenteiro s/ fº Gaspar Afonso Cavaco) cc Domingas Gonçalves (falecida em 21/2/1647 sendo testamenteiro s/ filho Gaspar Afonso Cavaco).

Julgo que este João Martins Cavaco possa ser irmão do Vicente Martins Cavaco, pai do FSO de Panóias e ambos filhos de Vicente martins Cavaco casado com Mécia Vaz, no entanto ainda não tenho dados comprovativos.

Quanto o Antão Vaz Cavaco ( marido da anterior Maria Lourenço) sendo filho de Gaspar Afonso Pinheiro cc (25/10/1638) Catarina Vaz, neto paterno de Manuel Pinheiro * de Stª Bárbara cc ( 29/1?/1602)Brites Martins, de Alte e neto materno de Gaspar Afonso cc ( 1610) Maria Vaz, (este fº de Vasco Eanes e Ana Dias e ela fª de Domingos Vaz, juiz de vintena cc Catarina Vaz.(avós maternos do Antão Vaz Cavaco FSO de 1641 morador em Panóias e também bisavós paternos do Alferes Antão Vaz Cavaco de Loulé cc Brites Correia).

Está um pouco confuso, mas são famílias muito interligadas e em que a repetição de nomes é frequente.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183612 | zmcm | 05 Fev 2008 01:57 | Em resposta a: #183604

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado por ir partilhando as suas descobertas.
o facto de haver 2 Antão filhos de 2 Vicentes, baralha um pouco os raciocínios, nas creio que a sua teoria é acertada.

cumprimentos,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183619 | LSV | 05 Fev 2008 04:08 | Em resposta a: #183583

Muito obrigado M.Elisa

Eu de facto na altura li a folha inicial e certamente (não o tenho de memória) as inquirições referentes à sua mulher (se as lá estão) por ela ser Guerreiro que era efectivamente o que me interessava.
Fica assim definida a ascendência dele.
Cumprimentos
Luís Soveral Varella

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183661 | zmcm | 05 Fev 2008 15:06 | Em resposta a: #183604

Cara Maria Elisa:
Encontrei em SBM o registo de baptismo em 21-1-1618 de Margarida, filha de Pedro Mendes e de Catarina Annes, tendo sido madrinha Maria Luis, mulher de Estevão Martins Cavaco.
Quem era este Estevão?

cump,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183684 | zmcm | 05 Fev 2008 18:16 | Em resposta a: #183661

No seguimento da anterior mensagem encontrei igualmente em 24-9-1619 o baptismo de Margarida filha dos anteriores Estevão Martins Cavaco e Maria Luis. Foram padrinhos António Fernandes e Vicência Netta.

cump
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183686 | melisa | 05 Fev 2008 18:26 | Em resposta a: #183661

Caro Miguel Cabrita Matias

Não faço a mínima ideia de quem seja.

Até agora ainda não o encontrei em Alte.

Ainda referente a Vicente Martins Cavaco de que falamos ontem, é frequente nesta família a repetição de nomes em gerações várias.

Muitas vezes só possíveis de distinguir pelo lugar em que habitam, e fazendo um estudo sistemático de todos os moradores da freguesia.

Já agora e sobre outros Antão Vaz Cavaco, o nosso confrade Nuno Inácio deu-me há algum tempo as referências de outro de quem não sei identificar a origem:


Antão Vaz Cavaco, viúvo de Margarida Queimada casou em S.Marcos da Serra aos 20/10/1688 com Joana Jorge viúva de António Afonso moradores na freguesia de Santa Clara.

Novamente viúvo voltou a casar, também em S.Marcos da Serra, com Margarida Vicente, viúva de Manuel da Silva moradores na freguesia de S.Sebastião (será S.Seb. de Gomes Aires, será S.Sebastião de Salir?)

Do primeiro casamento teve:

- Antão Vaz que casou em S.Marcos da Serra 25/8/1699 com Bárbara Jorge, natural da freguesia de Stª Clara, filha da segunda mulher de Antão Vaz, no seu primeiro casamento.

- Isabel Queimada que casou também em S.Marcos da Serra aos 10/6/1709
com Bartolomeu Gonçalves, viúvo de Domingas Fernandes, morador em S.Marcos da Serra.

- Ana Jorge que casou (S.Marcos da Serra 25/8/1711) com André Gonçalves, natural de S.Sebastião de Gomes Aires, fº de Gaspar Gonçalves, do Algôs, ja falecido à data, e de s/mer Ana Martins.

Antão Vaz Cavaco do 2º casamento teve:

- Mariana Jorge que casou primeiro com (S.Marcos 25/8/1711) Gregório Gonçalves, fº do capitão Manuel Gonçalves Medeiros e s/ m.er Margarida Fernandes, moradores em Benafátima freguesia de S.Marcos, falecidos antes de 1689.

Ficando viúva, voltou Mariana Jorge a casar em 14/2/1718, também em .Marcos, com Simão Fernandes, fº de Marcos Martins e de s/ mer Brites Fernandes, moradores em S.Bartolomeu de Messines.

Antão Vaz Cavaco faleceu em Água Velha freguesia de S.Marcos antes de 1715.

Os meus cumprimentos

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183691 | luizsillos | 05 Fev 2008 18:44 | Em resposta a: #183686

Cara Maria Elisa,

Tenho um ancestral por nome Manuel Afonso, nascido na freguesia de Alte, Loulé, por 1670. Teria se casado com Maria Gonçalves Margalha, passando a residir em Aldeia Nova de S. Bento.

Gostaria de saber se, em suas pesquisas, lembra-se de ter passado pelo casamento destes ancestrais, que deve ter ocorrido em data anterior a 1701.

Meus cumprimentos,
Luiz Gustavo

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183694 | melisa | 05 Fev 2008 19:45 | Em resposta a: #183691

Caro Luís Gustavo

Ainda não fiz um levantamento sistemático dos casamentos ocorridos após 1692, pelo que não sei responder.

Posso no entanto dizer-lhe que não sendo Margalho um nome frequente nesta freguesia, pois encontrei até agora um único índividuo queo usa, trata-se de

Martim Margalho, morador na corte do Buxo , freguesia de Alte, que casou em 9/../1626 com Maria Martins , moradora em S.Barnabé. Foram testemunhas Belchior Afonso e António Rodrigues.

Deste casamento não constam os pais dos noivos.

Falecida Maria Martins em 1/5/1634, voltou a casar certamente fora de Alte com Maria Agosta.

Do primero casamento não encontrei filhos.

Do segundo tenho registados:

- Martinho, b. em Alte a 17/11/1636, sendo padrinhos pad. Baltazar Gomes e Ana Vicente.

- Inês , b. em Alte a 16/2/1643 , sendo padrinhos Baltazar Lopes e Bárbara Dias.

Como espero ver os casamentos ocorridos a partir de 1692, fico com o seu ascendentes em memória para ver o que encontrarei.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183738 | luizsillos | 05 Fev 2008 23:52 | Em resposta a: #183694

Cara M. Elisa,

Grato por suas informações! Ficarei na expectativa.

Na Aldeia Nova de S. Bento, há alguns Margalhos, descendentes de um Bento Gonçalves Margalho e da Maria Gonçalves Margalho (minha ancestral, casada com o Manuel Afonso de Alte).

Meus cumprimentos,
Luiz Gustavo

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183893 | melisa | 06 Fev 2008 19:24 | Em resposta a: #183684

Caro Miguel Cabrita Matias

Para poder comprender ligações familiares necessito da sua ajuda.

Em 17/11/1652 casaram em Alte Manuel Martins (Cavaco) filho de Gaspar Afonso Cavaco e s/ m.er Maria Guterres, com Catarina Martins, natural de S.Bartolomeu de Messines, fª de BALTAZAR ou BELCHIOR AFONSO(B.ªr ou B.ºr) e de s/m.er BEATRIZ LOURENÇO, moradores em S.Bartolomeu de Messines.

Tiveram dispensa do 3º e 4º grau de consanguinidade .

Testemunhas Luís Estevens do Ameixial e Francisco Mendes morador na Nora - Loulé.

Também em Alte casaram a 29/1/1645, Estácio Lourenço , fº de Gaspar Pires e Maria Guerreira, e irmão de Cosma Guerreira que casou com o Belchior Afonso ( fº de Ana Gomes e neto de Belchior Afonso dos Santos de S.B.Messines),
e Maria Lourenço, viúva e também filha de BALTAZAR ou BELCHIOR AFONSO(B.ªr ou B.ºr) e de s/m.er BEATRIZ LOURENÇO, moradores em S.Bartolomeu de Messines.

Tiveram dispensa do 4º grau de consanguinidade.

Testemunhas: Inácio da Silva e Francisco Mendes (provavelmente o que também foi testemunha do casamento acima).

Por acaso tem elementos deste BALTAZAR ou BELCHIOR AFONSO casado com BEATRIZ LOURENÇO?


Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183919 | zmcm | 06 Fev 2008 22:18 | Em resposta a: #183893

Cara Maria Elisa:
De momento não tenho nada desta gente, posso no entanto procurar nos ultimos paroquiais que mandei digitalizar que estão uma grande confusão, já que está tudo misturado ( casamentos, Baptismos, mortes, crismados) e ainda por cima com datas sem nexo ( houve 3 livros em simultâneo e os registos foram feitos sem nexo)
Tanto quanto sei este casal Baltazar ou Belchior ou ainda Bartolomeu e Beatriz Lourenço tiveram pelo menos 2 filhas:
- Maria Lourenço que casa com Estácio lourenço em SBM a 29-11-1645,
- Catarina Martins que casa com Manuel martins 3m 17-11-1652
terão casado entre 1615 e 1625, onde faltam muitos registos paroquiais pois os poucos que existem estão salteados nos microfilmes.

Será assim?

cump,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#183927 | melisa | 06 Fev 2008 23:15 | Em resposta a: #183919

Caro Miguel Cabrita Matias

Se não der muito trabalho agradeço.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#184438 | zmcm | 10 Fev 2008 23:33 | Em resposta a: #183893

Cara Maria Elisa:
Andei no fim de semana a vasculhar os paroquiais á procura desta casamento e não encontrei....parece-me haver um buraco de casamentos entre 1614 e 1624...este casal deve ter casado por volta de 1620....
vou continuar a procurar pode ser que ainda apareça...os livros paroquiais de SBM entre 1595 e 1680 são uma confusão pois além de haver datas sobrepostas em livros diferentes, está tudo misturado.

cumprimentos,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184545 | melisa | 11 Fev 2008 19:44 | Em resposta a: #184438

Caro Miguel Cabrita Matias

Que grande trabalho que lhe estou a dar!

Também em Alte os registos dos finais do século XVI e príncípios do sec XVII estão dispersos e alguns são de difícil leitura.

O meu interesse nesse casal reside essencialmente ao grau de parentesco que terá com os Martins Cavaco, conforme consta no casamento de s/ filho e também poderá contribuir para sabermos quem é o padre Luís Lourenço Guerreiro, morador em Benafim.

Como ele terá nascido no princípio da segunda metade do século dezassete e apadrinha muitas vezes com familiares poderemos estabelecer algumas ligações entre famílias do período mais antigo em que já havia registos de casamento ( e que vai até 1654) e as surgidas após o hiato em que faltam estes registos (até 1692).
Este padre em 25/11/1696 foi padrinho com Maria Guterres que refere ser sua prima.

Por sua vez em 4/5/1697 refere que é filha de Manuel Martins Cavaco e de Catarina Martins já defuntos, sendo portanto neta paterna de Gaspar Afonso Cavaco e de Maria Guterres e neta materna de Baltazar ou Belchior Afonso e Brites Lourenço que procuramos.
Esta Maria Guterres será certamente a Maria que foi Baptizada em Alte Julho de 1667.

Como candidatos a ser o padre Luís Lourenço Guerreiro temos:

Luís b. 24/10/1667 fº do 2º casamento de João Martins Cavaco com Isabel Gonçalves (neto portanto de Gaspar Afonso Cavaco/Maria Guterres).

No entanto pelos indídios julgo que este será Luís Martins Cavaco, morador em Benafim, casado com Brites Guerreira e casados antes de 1692 e que foram pais de João Martins Cavaco casado (Alte 28/5/1725) com Maria da Costa.


Mas mais provavelmente será Luís , b. a 9/4/1659 fº de Estácio Lourenço casado com Maria Lourenço a 29/1/1645 e neto materno Baltazar ou Belchior Afonso e Brites Lourenço referidos.

Este Luís foi testamenteiro de s/ mãe falecida em 4/8/1685 em que é referido como Luís Lourenço e sem mencionar ser padre.
È irmão de Manuel Estácio Guerreiro, padrinho em 5/8/1668 c/ s/ irmã Maria Lourenço (diz filhos de Estácio Lourenço de Benafim


Estes dois Luís são primos direitos de Maria Guterres, um por via matrna outro por via paterna.

Ainda não me apercebera do porquê de ser Guerreiro (tal como seu irmão Manuel), o que só agora entendi e me leva a optar claramente por este último:

Seu pai Estácio Lourenço era filho de Maria Guerreira (c/ Gaspar Pires) e neto paterno de Cosma Guerreira /cc Estácio Lourenço mais velho).

Em 1703 o padre Luis Lourenço Guerreiro foi padrinho com sua SOBRINHA BRITES MARTINS.

Ainda não sei quem é Brites Martins.

Em 1712 , também com sua prima (sic) Maria Guterres apadrinha uma filha do capitão Manuel Pires Cortezão.
Desta vez aparece como Padre Luis Lourenço Aboim , de Benafim.

O que nos leva para que sua bisavó Cosma Guerreira cc Estaço Lourenço e avó da Cosma Guerreia mais nova, casada com Belchior Afonso(neto de Belchior Afonso dos Santos ) fosse uma Guerreiro de Aboim.

Cumprimentos
M.Elisa





Esta Maria Guterres refere

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184566 | zmcm | 11 Fev 2008 23:03 | Em resposta a: #184545

Cara Maria Elisa:
Vou continuar a procurar, dir-lhe-ei alguma coisa assim que houver novidades.
cumprimentos,
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184577 | melisa | 12 Fev 2008 00:03 | Em resposta a: #184566

Caro Miguel Cabrita Matias

Encontrei o registo do casamento de Ana Gomes com Lourenço Martins em Alte, aos 16/2/1609.

Infelizmente não constam os pais dos nubentes.

Reveladoras são as testemunhas:

- Lourenço Martins (seria provavelmente o pai do noivo)

- Mateus Lourenço (seria irmão do noivo e cunhado da noiva)

- Bartolomeu Afonso dos Santos ( seria o irmão da noiva)

- Padre Baltazar de Arez.

Cpts
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184586 | zmcm | 12 Fev 2008 01:03 | Em resposta a: #184545

Cara Maria Elisa:
creio que o que diz faz sentido, porquanto as ligações que menciona levam-me a outra questão que há já algum tempo tendo deslindar: a origem de Catarina Guerreiro casada com Afonso Fernandes
http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=111630
esta senhora foi comadre de Bartolomeu Afonso Santos e Brites Cabrita duplamente:
1 - pelo casamento de seu filho António Fernandes ( ou António Guerreiro Fernandes) com Margarida Cabrita.
http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=107408
2 -Pelo casamento de sua filha Isabel Fernandes com Belchior Afonso Santos filho dos acima indicados:
http://www.geneall.net/P/per_page.php?id=451667.
Tanto mais que me parece que Cosma Guerreiro bisavó será mais ou menos da idade de Catarina Guerreiro mulher do Cap. Afonso Fernandes.

cump
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184591 | rafael | 12 Fev 2008 04:40 | Em resposta a: #184586

Caros primos M.Elisa e Miguel Cabrita Matias

Acho muito interessante a sua dedução-GUERREIRO DE ABOIM .Até prova em contrário aceito-a também.

Não devemos esquecer o lavrador "muito rico" e F.S.O ,de Benafim-Alte ,BARTOLOMEU GUERREIRO DE ABOIM casado com sua prima ( em 3.º grau de consg. ,salvo erro) Dona MARIA PINHEIRO CAVACO,sepultada na Ermida de Nossa Senhora da Glória(a 22.12.1986 fui a esta Ermida,mas tinham uma enorme alcatifa a tapar as sepulturas) irmã da mulher do Cap.ão MANUEL PIRES CORTESÃO.

Em Benafim e Alte houve, realmente, muitos -GUERREIRO-parentes uns dos outros como vem mencionado no Proc. de F.S.O. do meu antepassado DOMINGOS RODRIGUES GUERREIRO,de Benafim-Alte

Embora de época posterior refiro o meu antepassado,de Benafim, CAETANO GUERREIRO SILVA .
Também aparece,em Alte - MANUEL GUERREIRO,filho do alferes JOSÉ GUERREIRO ABOIM,de Tunes-Algoz e de ROSA JACINTA CAVACA ,do Espragal-Alte,neto pat. de MANUEL GUERREIRO BOIM,da freg. de Alte e de JOSEFA DE SEQUEIRA ,do Algoz,neto mat. do alferes LUIS GOMES MIALHA e de JERONIMA CAVACO,do Espragal-Alte que aos 17.2.1829 casou em Alte com MARIA VITORIA,filha de JOSÉ MARTINS DE OLIVEIRA e de MAIANA VITORIA ,neta pat. de SEBASTIÃO MARTINS DE OLIVEIRA e de VITORIA MARIA( meus antepassados),do Monte Boi-São Bartolomeu de Messines e neta mat. de JOAQUIM MARTINS e de BRITES MARIA,da Zimbreira-SÃObARTOLOMEU DE mESSINES.
Tb. da desc. dos meus trisavós MANUEL DE SOUSA e MARIA VITORIA DE OLIVEIRA,da Casa Nova -São Bartolomeu de Messines é desc. MARIA VITORIA DE OLIVEIRA das 1.ª núpcias ,no Monte Sobrado-Algoz,nasceu um filho JOAQUIM GUERREIRO ABOIM. ( pode ler-se sobre muitas das pessoas que referi na "ÁRVORE DE GERAÇÃO"descendência dos meus antepassados SEBASTIÃO MARTINS DE OLIVEIRA,nat. da Guia-Albufeira cc VITORIA MARIA GUERREIRO SILVA CAVACO tb. minha avó, filha que foi dos ricos lavradores CAETANO GUERREIRO SILVA e de sua mulher ISABEL GONÇALVES CAVACA, de Benafim-Alte, na Monografia de São Bartolomeu de Messines do Padre Dr.Francisco Xavier Ataíde de Oliveira,tb. seu descendente).
Uma boa noite.
Rafael Carvalho

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184592 | rafael | 12 Fev 2008 06:13 | Em resposta a: #184591

Caro primo Nuno Inácio

Ia retirar-me quando me lembrei do mail que me enviou há dias sobre os nossos avós Cap.ão AFONSO ALVARES MIÃO e MARIA GRADE.
E estou ansioso quando pesquisar sobre os-MIÃO do Algarve,porque creio serem todos parentese assim da nossa família.

Também achei importante a descoberta sobre -ABREU-na pessoa das freiras ,séc.XV que referiu e pensei aqui trancrever, mas sem sua autorização não o faria,e achei curioso o que disse tb. sobre -ABREUS-terem combatido em Tânger.Teceu hipóteses que são para levar em boa conta.Aliàs, já o nosso parente Eng.Alexandre Callado me enviara, há bastante tempo, um mail com outras hipóteses, que abstraindo uma intuição do que julgamos ser uma verdade evidente, as alicerça em bases sólidas que lhe darei conta, por mail, talvez amanhã(hoje),levando também em conta da existência de uma Senhora da ilustre família-ABREU,de Albufeira- Dona ANTONIA DE ABREU que casou com LUIS SEQUEIRA DE SOUSA, que foi mãe do Mestre de Campo e FIDALGO da CASA DE EL-REI,etc.-PEDRO DE SOUSA DE ABREU ou PEDRO DE SOUSA ABREU E SEQUEIRA .( sobre este ilustre fidalgo e família consultar - PEDRO DE SOUSA DE ABREU E SIQUEIRA Fidalgo e Cavaleiro da Ordem de Cristo,por Ernesto Ferreira Jordão, em ACTAS DAS II MJORNADAS DA HISTÓRIA DE TAVIRA .Clube de Tavira-MCMXCIII,fotocópia que amavelmente me foi oferecida,há já muito tempo).Também possuo a obra REGISTOS PAROQUIAIS DA SÉ DE TÂNGER,que felizmente e por acaso comprei, há muitos anos, em alfarrabista de Lisboa, livro que menciona muitos algarvios,como é natural.

Com amizade.
Rfael Carvalho

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184599 | zmcm | 12 Fev 2008 09:36 | Em resposta a: #184591

Caro Rafael:
Seja bem aparecido e obrigado pelas notas que amavelmente nos disponibilizou.
Um abraço
Miguel Cabrita Matias

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184659 | melisa | 12 Fev 2008 21:58 | Em resposta a: #184586

Caros Rafael e Miguel Cabrita Matias

Maria Guerreiro filha da Cosma Guerreiro e mãe da Cosma Guerreiro mais nova casou em Alte a 6/1/1610 ( faleceu a 24/11/1640 e s/ marido em 1637), pelo que estimo que tenha nascido por volta de 1685 o que deverá levar a que s/ mãe devesse ter nascido cerca 1650/70.

Atendendo a este intervalo de tempo poderá efectivamente ser da mesma geração de Catarina Guerreiro.

Quanto aos Guerreiro Aboim, acrescento à lista apresentada pelo "primo" Rafael, o padre Manuel Pires Guerreiro Aboim que sendo morador em Benafim pequeno foi testemunha em 24/2/1743 do casamento de José da Silva Lemos com Catarina Martins Cavaco fª do Capitão Manuel Pires Cortezão e de s/m.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184677 | melisa | 13 Fev 2008 00:19 | Em resposta a: #184586

Caro Miguel Cabrita Matias

Acabo de encontrar em Alte o seguinte casamento, que poderá interessar-lhe:

DOMINGOS AFONSO , da freguesia de S.B.Messines fº de Domingos Fernandes e Catarina Moreira (?) casou em 25/1/1616 com Inês Vaz , fª de Custódio Eanes e Inês Vaz, moradores em Alte.

Foram testemunhas o Padre Manuel Afonso Pousado e BARTOLOMEU AFONSO SANTOS da freguesia de S.Bartolomeu.

Cpmts
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184774 | zmcm | 13 Fev 2008 22:18 | Em resposta a: #184677

Cara Maria Elisa:
Muito obrigado pela informação...creio que esse Domingos Fernandes será irmão de Afonso Fernandes casado com Catarina Guerreiro (duplamente compadres de Bartolomeu Afonso Santos como já anteriormente referi..)
Porque razão terá este Domingos Afonso casado em Alte?? haverá por certo uma razão...

cump
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184792 | rafael | 14 Fev 2008 02:15 | Em resposta a: #184774

Caro Miguel

Em " FIDALGOS DE COTA DE ARMAS DO ALGARVE" de Miguel Maria Telles Moniz Cõrte-Real na Árv.Cost. (4) pág.45 está lá um-Diogo FERNANDES GUERREIRO cc Bárbara Luís moradores q.foram na freg. de São Sebastião de Gomes Aires.
Isto vai apenas como curiosidade, claro, mas...nunca são demais as informações que se adequam aos assuntos tratados.

Um abraço
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Gerreiro de Aboim

#184800 | zmcm | 14 Fev 2008 09:03 | Em resposta a: #184792

Caro Rafael, obrigado pela dica.
MCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#184877 | melisa | 14 Fev 2008 21:48 | Em resposta a: #184800

Caro Miguel Cabrita Matias

A noiva era natural da freguesia de Alte.
Julgo que depois de casados não terão aí morado pois não lhes encontro descendência nesta freguesia.
Cps
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187425 | crcavaco | 08 Mar 2008 16:39 | Em resposta a: #174220

Boa tarde,
Eu própria ando a fazer uma pesquisa sobre a familia do meu pai e encontrei este fórum. Os avós do meu pai eram Sebastião Cavaco e Maria Guerreira ou será Maria Guerreiro? o pai do meu pai, ou seja o meu avô chama-se Manuel Cavaco e nasceu em Salir. Não tenho a a sua data de nscimento mas seria talvez por volta de 1900. Mas o meu avô foi para Lourenço Marques e morreu muito novo, razão pela qual não sabemos nada sobre a familia.


C. Cavaco

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#187426 | crcavaco | 08 Mar 2008 16:49 | Em resposta a: #184877

Cara Melisa,

Venho também pedir a sua amável ajuda.
Eu própria ando a fazer uma pesquisa sobre a familia do meu pai e encontrei este fórum. Talvez nas suas pesquisas e porque Salir e Alte, segundo vejo, são próximos, tenha visto referências a alguns destes nomes.
Os avós do meu pai eram Sebastião Cavaco e Maria Guerreira ou será Maria Guerreiro? o pai do meu pai, ou seja o meu avô chama-se Manuel Cavaco e nasceu em Salir. Não tenho a a sua data de nscimento mas seria talvez por volta de 1900 , dado que o meu pai nasceu em 1928. Mas o meu avô foi para Lourenço Marques, onde conheceu a minha avó imagino eu, e ambos morreram muito novos, razão pela qual não sabemos nada sobre a familia.

Cumprimentos,

C. Cavaco

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187429 | nunoinacio | 08 Mar 2008 17:37 | Em resposta a: #187425

Cara C. Cavaco

Desculpe, mas o que pretende é recente de mais para que alguém possa ter informações concretas dessa família, a menos que tenha a sorte fantástica de haver algum parente muito próximo que tenha essas informações, que não é o meu caso.

Como já deve ter reparado, as mensagens que por aqui andam dizem respeito a gentes do Séc. XVII e XVIII, altura em que é muito mais provável que venha a encontrar quem a possa ajudar.

Aconselho-a a fazer buscas na Conservatória do Registo Civil e no Arquivo Distrital para recuar, pelo menos, mais um século.

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187450 | crcavaco | 08 Mar 2008 19:57 | Em resposta a: #187429

Caro Nuno Inácio,

Agradeço-lhe a resposta rápida. Como é que posso fazer essa investigação? terei que ir a Faro ou é possível aceder a esse tipo de informação através da internet?

Cumprimentos

C. Cavaco

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187452 | nunoinacio | 08 Mar 2008 20:02 | Em resposta a: #187450

Cara C. Cavaco

Aconselho-a a colocar o nome, pois há confrades nossos que não gostam de responder a mensagens com nomes encortados ou anónimos.

Para começar a investigação, tem que ter sempre uma geração de avanço. Ou seja, com o assento de baptismo do seu avô, descobrirá o nome dos pais e dos avós deste. Assim, pode procurar o nome dos pais dos seus avós e ficar com o nome dos avós destes.

Os assentos posteriores a 1900 estão na conservatória respectiva, os anteriores no Arquivo Distrital

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187453 | crcavaco | 08 Mar 2008 20:03 | Em resposta a: #187429

Caro Nuno Inácio,

Agradeço-lhe a resposta rápida. Como é que posso fazer essa investigação? terei que ir a Faro ou é possível aceder a esse tipo de informação através da internet?

Cumprimentos

C. Cavaco

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187456 | nunoinacio | 08 Mar 2008 20:15 | Em resposta a: #187453

Em princípio terá que ir a Faro

Se tiver dados concretos, pode pedir por carta, mas eles não fazem investigação, pelo que terá que ter dadas precisas ou perto disso.

Cumprimentos

Nuno Inácio

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187475 | crcavaco | 08 Mar 2008 22:27 | Em resposta a: #187456

Caro Nuno Inácio,

Mais uma vez lhe agradeço: Vou seguir então os seus conselhos e tentar obter algo mais. Percorrendo os posts acima e também alguma informação disponivel nas fontes apercebo-me que de facto há uma espécie de recorrência de certos nomes próprios - que terão a ver com a região ou com a familia - e que faz com que se encontrem em gerações diferentes os mesmos nomes o que não deve facilitar a pesquisa.


Cumprimentos

Cristina

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#187480 | Jpteixeira | 08 Mar 2008 22:37 | Em resposta a: #187475

Cara Cristina:

Tenho algumas informações sobre o casal Sebastião Cavaco e Maria Guerreiro. No entanto, como se trata de pessoas da freguesia de Salir, vou-lhe responder neste tópico, pelo que peço que aceda ao mesmo.

Cumprimentos.
Júlio Sousa.

Resposta

Link directo:

RE: Manuel Afonso Vinagre

#188664 | josécyr | 17 Mar 2008 10:14 | Em resposta a: #174294

Cara amiga M. Elisa, ou outros confrades,
Solicito a V. ajuda para os seguntes casais de Alte:

Estevão Vaz casado com Ana Gomes, circa 1660, de Alte, Benafim, que virão a ser pais de Maria Vaz, casada em Loulé a 25.09.1695, com Manuel Correia, filho de Manuel Gonçalves e de Maria Rodrigues, da Apra;

António de Sousa, casado circa 1680/90, com Guiomar Neta, sendo referidos como moradores na Peninha, em Alte.

Todo a informação será bem vinda.
Cumprimentos e, se não for antes, até dia 26 de Abril em Tavira.
José Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#189775 | josécyr | 27 Mar 2008 08:48 | Em resposta a: #174174

Cara amiga M. Elisa, ou outros confrades,
Volto a repetir o meu pedido de ajuda para os seguntes casais que são de Alte:

Estevão Vaz casado com Ana Gomes, circa 1660, de Alte, Benafim, que virão a ser pais de Maria Vaz, casada em Loulé a 25.09.1695, com Manuel Correia, filho de Manuel Gonçalves e de Maria Rodrigues, da Apra;

António de Sousa, casado circa 1680/90, com Guiomar Neta, sendo referidos como moradores na Peninha, em Alte.

Todo a informação será bem vinda.
Cumprimentos e, se não for antes, até dia 26 de Abril em Tavira.
José Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz cc Ana Gomes

#190532 | melisa | 31 Mar 2008 23:59 | Em resposta a: #188664

Caro José Cabecinha

Peço desculpa por só agora lhe responder, mas tenho estado ausente.

Tenho refereciado o casal que refere.

Sei que eram já casados em 19/1/1666,altura em que baptizam o seu filho Domingues.
Este Domingos é um de dois que julgo poder ser o Domingos Vaz, meu ascendente e casado antes de 1692 com Isabel Gonçalves Cavaco fª de do 2º casamento de João Martins Cavaco com Isabel Gonçalves,neta paterna de Gaspar Afonso Cavaco e Maria Guterres e bisneta de João Martins Cavaco e Domingas Gonçalves, todos de Benafim.

A Maria Vaz casada com Manuel Correia, será certamente a Maria nascida em 3/2/1678.

Encontrei outros filhos a nascerem pelo menos até 1689.

Ana Gomes faleceu em 15/5/1695 sendo testamenteiro seu genro Braz Anes.
Sem certezas julgo que Estevão Vaz será o do mesmo nome que é testamenteiro de sua mãe Catarina Dias falecida já viuva de Belchior Rodrigues em 13/5/1658 .

Catarina Dias casara em Alte aos 10/5/1634 com Belchior Rodrigues, sendo ela fª de Vasco Eanes e Madalena Dias e ele de Estevão Vaz e Brites Eanes.

Foram moradores em Benafim tal como os pais do noivo.

Belchior Rodrigues faleceu em 6/12/1653 sendo testamenteira a sua mulher.

Quanto ao Estevão Vaz mais antigo faleceu a 2/12/1637 (testamenteiro s/ fº Belchior Rodrigues)e a sua mulher Brites Eanes faleceu a 28/2/1628.

Outros filhos de Estevão Vaz e Brites Eanes:

. Leonor Adães ou Leonor Dias que casou em Alte aos 4/9/1628 com Domingos Álvares.( fº de Simão Gonçalves cc Isabel Martins, moradores em Paderne)

. Rui Gomes que casou primeiro com Mécia Vaz ( que será certamente uma Cavaco) e depois com Maria das Neves em 6/2/1623 também em Alte, sendo ela fª de Diogo Pires e Joana Gonçalves do Espargal freguesia de Alte.

Morou também no Espargal e foi pai no primeiro casamento de:

Vicente Martins Cavaco cc (Alte 8/10/1640) Isabel Álvares. E estes pais de:

- Antão Vaz Cavaco , b. Alte aos b.20/11/1644, morador em Ourique e falecido em Alte já viúvo aos 6/9/1686.

- Inês Vaz, b. 5/11/1657

-Domingos Vaz, testamenteiro de s/ irmão.


Para já é o que tenho embora ainda ande de volta dos paroquiais de Alte.

Cumprimentos, e se não falarmos antes, até Tavira.
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#190533 | melisa | 01 Abr 2008 00:13 | Em resposta a: #189775

Caro José Cabecinha

Afinal volto ainda hoje a contactá-lo a propósito de António de Sousa casado com Guiomar Neta.

O que tenho é mesmo muito pouco!


Apenas a referência à filha:

- Maria de Sousa que solteira foi madrinha de Marcos filho de João Martins e de s/ m.er Maria Martins moradores na Peninna, Alte, nascido a 28/4/1711.

Então até Tavira

M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz cc Ana Gomes

#190567 | josécyr | 01 Abr 2008 08:33 | Em resposta a: #190532

Minha Cara M. Elisa,
Muito obrigado pelas informações deste e do outro tópico. Calculava que poderia ter algo para mim destes meus antepassados.
Um abraço e até Tavira.
Zé Cabecinha

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#190761 | LCM | 02 Abr 2008 17:50 | Em resposta a: #190533

Cara M. Elisa,

Embora de tempos mais recentes, estou a investigar uns Martins Cavaco de Alte.

Manuel Cavaco, n. Alte, Loulé, 1900, filho de António Martins Cavaco e de Maria da Palma.
Manuel casou com Catarina do Carmo Isidoro, n. Paderne, Albufeira, 1910, filha de António Gonçalves Isidoro e de Gertrudes de Sousa da Conceição.

Desde já agradeço qualquer ajuda.

Lourenço Correia de Matos

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#190790 | melisa | 02 Abr 2008 19:56 | Em resposta a: #190761

Caro Lourenço Correia de Matos

De bom grado o ajudaria, só que os Martins Cavaco de Alte de que sei alguma coisa viveram nos fins dos séculos XVI,XVII e princípio do século XVIII.

Mais recentes só o meu ramo.

Os meus ascendentes Martins Cavaco em Alte terminaram em Caetana Maria Cavaco, aí nascida aos 15/1/1792, fª de João Martins Cavaco e de s/ m.er Teresa Maria, neta paterna do 2º casamento de Manuel Martins Cavaco com Brites Martins, natural de Loulé.

Caetana Maria Cavaco casou a 8/12/1812 em Alvor com Higino José Guerreiro, fº do Alferes Remualdo José Guerreiro e de Isabel Inácia.

Se conseguir recuar terei certamente muitos dados.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#190793 | LCM | 02 Abr 2008 20:16 | Em resposta a: #190790

Muito obrigado. Terei de ir ao Algarve "subir" nesta linha.

Cumprimentos
LCM

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191638 | melisa | 08 Abr 2008 15:23 | Em resposta a: #187426

Caro C.Cavaco

De bom grado o ajudaria,só que nunca pesquizei Salir.

Acredito no entanto que os Cavaco de Salir estejam muito relacionados com os de Alte.
Entretanto de Alte o que pesquisei refere-se aos Martins Cavaco que viveram nos fins dos séculos XVI,XVII e princípio do século XVIII.

Mais recentes só o meu ramo.

Os meus ascendentes Martins Cavaco em Alte terminaram em Caetana Maria Cavaco, aí nascida aos 15/1/1792, fª de João Martins Cavaco e de s/ m.er Teresa Maria, neta paterna do 2º casamento de Manuel Martins Cavaco com Brites Martins, natural de Loulé.

Caetana Maria Cavaco casou a 8/12/1812 em Alvor com Higino José Guerreiro, fº do Alferes Remualdo José Guerreiro e de Isabel Inácia.

Se conseguir recuar e ligá-los a Alte poderei terei alguns dados.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191682 | ffarrajota | 08 Abr 2008 20:37 | Em resposta a: #191638

Cara Maria Elisa:
Chegou a encontrar alguma ligação dos seus Martins Cavaco, de Alte com o meu Domingos Martins Cavaco cc.Maria Guerreira, de Benafin Alte, que teria casado por volta de 1690/1700. Se tiver alguma informação, agradecia me fornecesse.
Os meus cumprimentos,
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191686 | melisa | 08 Abr 2008 21:18 | Em resposta a: #191682

Cara Fernanda

Provas documentais não tenho, mas ou muito me engano ou o seu Domingos Martins Cavaco é irmão da minha Isabel Gonçalves Cavaca e ambos filhos do 2º casamento de João Martins Cavaco cc Isabel Gonçalves, moradores em Benafim.

Netos paternos de Gaspar Afonso Cavaco e de Maria Guterres.

Bisnetos paternos de João Martins Cavaco e de s/ mer Domingas Gonçalves,

Baseia-se esta minha convicção em o referido casal ter tido um filho de nome Domingos , nascido a 17/6/1663 e também no facto de a madrinha do primeiro filhp de Isabel Gonçalves Cavaca ser MARIA GUERREIRA casada com DOMINGOS MARTINS.

Também nao encontrei até agora outro Martins Cavaco a baptizar filho de nome Domingos e que possa ser o seu Domingos Martin Cavaco.

Entretanto ainda não acabei de ver tudo o que queria em Alte, por motivos que não vêm agora ao caso.

Espero no entanto retomar o estudo desta freguesia e poderá ser que então surjam novos elementos que confirmem ou infirmem esta minha convicção.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191700 | ffarrajota | 08 Abr 2008 22:16 | Em resposta a: #191686

Cara Maria Elisa:
Agradeço a pronta resposta. É bem possível ser o Domingos nasc. 7/6/1663, porque a única filha que tenho Maria Guerreiro casou pela primeira vez com Martinho Agosto, a 4 de Maio de 1717,testemunhas Manuel Martins Cavaco e Luís Lourenço Guerreiro, o pai teria 54 anos é lógico. Será que este Manuel é tio da Maria? Tem algum Manuel? A Maria casou-se pela segunda vez com António Gonçalves Trassa, Benafim-Alte, 30/9/1726.
Também não tenho feito pesquisa em Alte, tenho andado a rever S.Clemente muito lentamente.
Cumprimentos,
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191716 | melisa | 08 Abr 2008 23:11 | Em resposta a: #191700

Cara Fernanda

Tem sim!

Manuel , nascido a 13/9/1665.

No entanto há um Manuel Martins Cavaco filho de Marcos Rodrigues (e Maria Cavaca) também de Benafim que apadrinha em 6/9/1705 o "meu " Manuel Martins Cavaco fº de Isabel Gonçalves Cavaca.

Só que em 1/6/1701 e dado também como fº de Marcos Rodrigues e em conjunto com sua irmã Brites Martins é dito ser estudante, pelo que será o mais tarde padre Manuel Martins Cavaco.

Sendo estudante em 1701 já em 1707 aparece como padre no baptismo de um filho de Luís Martins Cavaco (que sendo morador no Espragal será certamente o Luís nascido em 10/3/1654, filho de Vicente Martins Cavaco) .

Ora dificilmente não seria nomeado como padre em 1715 pelo que julgo que não será a testemunha de casamento de Maria Guerreiro.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Belchior Afonso dos Santos/Guerreiro de Aboim

#191887 | ffarrajota | 09 Abr 2008 23:58 | Em resposta a: #191716

Olá, Maria Elisa:
mais uma vez agradeço a informação. Não sei ainda se poderei ir ao encontro para trocarmos informação.
Os meus cumprimentos,
Fernanda

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#194699 | melisa | 29 Abr 2008 21:51 | Em resposta a: #190793

Caro Rafael

Conforme prometido aqui vai.

Ainda não acabei alte pelo que há ainda muitas pontas que possivelmente se podem ligar.

Deste seu ramo tenho:

1 .João Gonçalves e sua m.er Brites Martins. pais de:

2. Manuel Gonçalves Valor que casou (I) em Alte a 27/9/1717 c/ Bárbara Gomes, fª de Neutel(?) ou Manuel Martins (tenho de cruzar dados para confirmar) e Sebastiana Correia.

Falecida Bárbara Gomes a 7/11/1719, voltou a casar também em Alte a 1/6/1720
com Luisa Maria, nascida em Alte a 11/12/1695 , fª de Manuel Martins Palma e Leonor Martins, aí moradores.

De novo viúvo, casa 3ª vez a 12/12/1739 ainda em Alte c/ Josefa Rodrigues, solteira, fª de Luís Vaz e Isabel Luís.

Do 1º casamento tenho registado o baptismo de Maria , nascida em Alte a 30/6/1719.

Do 2º casamento encontrei seu filho :

3. José Rodrigues da Palma, sapateiro de profissão,que casou c/ Teresa Francisca a 24/2/1743, fª de Domingos Francisco, alfaiate de profissão e de s/ mer Clara Gomes.
[ Domingos Francisco casara c/ Clara Gomes em Alte a 7/11/1713 , sendo ele fº dos já citados Domingos Francisco ( o da fiança, natural de S.Nogueira -Bispado de Coimbra e de s/ m.er Ana Machada de Alte.
Clara Gomes era filha de João Gomes, que em 1713 se encontrava cativo em Argel es/ mer Maria Vicente].

J.R. da Pama e Teresa Francisca, pais de:

4. Catarina Maria Palma , nascida em Alte a 12/11/1753, aí casou a 21/12/1776 c/

Paulo José Lopes, natural de Almodovar, fº de Francisco Gonçalves e Mariana Varela.

4.1. José Rodrigues Palma que casou (I) a 23/12/1769 em Alte c/ Bárbara Nunes Correia, fª de Jerónimo Afonso e Maria Nunes.

Voltou a casar em Alte a 10/4/1780 c/Inácia Maria Cordeiro,solteira fª de Braz Martins Cabrita e Maria Rodrigues Cordeiro.

Claro que faltam muitos dados, mas é o que tenho.

Cumprimentos
M.Elisa

Resposta

Link directo:

RE: Estevão Vaz e António de Sousa

#194709 | rafael | 29 Abr 2008 22:35 | Em resposta a: #194699

Cara MElisa

Eu tenho o meu avô JOSÉ RODRIGUES PALMA q.n. aos 12.12.1745 cc a minha avó BÁRBARA NUNES COELHA ( não sabia que ela aparecia com o apelido CORREIA).
A Bárbara era filha de HIERONIMO (JERÓNIMO) AFONSO CORTESÃO,nat.do Vale do Álamo, freg. de Salir e de MARIA NUNES COELHA, do Pé da Serra,freg. de Salir(cas.aos 19.5.1749,em Salir).
JERONIMO AFONSO CORTESÃO tenho-o como filho de BRAS AFONSO,da Penina e de MARIA GONÇALVES(casaram aos 16-1-1695,em Salir)e MARIA NUNES COELHO ,filha de JOÃO NUNES COELHO e de BARBARA ROIZ,do Pe da Serra,Salir(cas.aos 7.12.1731).
Barbara ROIZ filha de JOSEPH RODRIGUES ,de Salir e de MARIA GONÇALVES e João Nunes Coelho era filho de MANUEL COELHO MACHADO,de Alte (já viúvo) e de PHELIPA NUNES ,de Alte(cas.aos 10.5.1695).

Cumprimentos e renovo os meus agradecimentos
Rafael

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#210013 | Jpteixeira | 06 Out 2008 15:15 | Em resposta a: #174191

Cara Maria Elisa:

Encontrei o assento de casamento de Manuel Gonçalves Cavaco cc Maria Rodrigues, na data de 30-09-1744, em Salir.
O noivo, é filho de Domingos Vaz Cavaco e de Domingas Gonçalves, dos Corcitos, Querença. Por acaso tem conhecimento deste Domingos?
Por outro lado ainda não encontrei o casamento de Domingos Afonso Cortezão com Inácia Martins Cavaca, o qual, presumo, dever-se-á ter realizado em Alte, cerca de 1735-1740. Inácia Martins Cavaca casou mais 2 vezes: em 15-11-1746 com António Rodrigues, do Freixo e em 26-01-1756 com Bartolomeu Álvares, de Ourique.
Finalmente tenho uns avoengos de Alte/Paderne, que são José Dias Cavaco e Catarina Rodrigues, mas ainda não consegui avançar para além deles. Julgo que deverão ter casado por volta de 1720.
Por acaso a Maria Elisa tem algumas informações acerca destas pessoas?

Antecipadamente grato.

Com os melhores cumprimentos.
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#236813 | jataide | 19 Ago 2009 00:17 | Em resposta a: #175069

Cara Maria Elisa,

Peço-lhe antecipadamente desculpa pelo atrevimento, mas gostaria de lhe pedir, se possível, se me localizaria nos casamentos de Alte ca de 1690-1680

Simão Martins Magro x Domingas de Sousa

pais de José Martins Magro (Alte) X Maria de Fontes (Amareleja)

pais de José Martins de Fontes -Amareleja *8.5.1730 x 1755 com Margarida Antónia Mira (Povoa S Miguel)

O Arquivo Distrital de Faro, só tem o micro-filme do 1º livro de casamentos de Alte , como ainda não consegui localizar o José nos lvs mistos, e sem acesso à consulta dos lvs de casamentos, temo ficar sem mais informação.

Curiosamente, nascem também em 1730 na Amareleja, com ascendência em Alte:
Teresa fª de Maria Martins (Alte) neta de Maria Martins (Alte) e Domingos da Costa (S.Martinho do Vale/Barcelos)
André fº de António Gonçalves (Alte) neto de Domingos Gonçalves e Maria Vaz (Alte).

Grata,

Manuela Aleixo

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#240514 | jramos | 28 Set 2009 16:29 | Em resposta a: #236813

Cara Manuela Aleixo,

Sou descendente do casal José Martins de Fontes - Margarida Antónia. Podemos, se quiser, trocar informações.

Cumprimentos

João Ramos

j.a.e.ramos@iol.pt

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#240704 | jataide | 30 Set 2009 12:50 | Em resposta a: #240514

Caro João Ramos,

Foi com enorme satisfação que recebi a sua mensagem, que agradeço.
Vou contacta-lo através do e-mail que me disponibilizou.

Cumprimentos,

Manuela Aleixo

Resposta

Link directo:

RE: casamento de Manuel Martins Mogo e Domingas de Sousa

#271921 | Jpteixeira | 06 Mar 2011 20:58 | Em resposta a: #174174

Cara Maria Elisa:

Um dos avós ( 6ºavô) do nosso Presidente da República é Manuel Martins Mogo cc Domingas de Sousa. Julgo que este Manuel Martins Mogo é a mesma pessoa que "encontrei" casada com Isabel da Costa em 28-10-1675, em Salir.
Por outro lado, tenho ideia que Isabel da Costa deveria ter falecido logo após o casamento e Manuel Martins Mogo casou 2ª vez com Domingas de Sousa. Mas esta Domingas de Sousa não era natural de Salir pelo que o casamento dever-se-ia ter realizado noutra paróquia.
Como sei que a Maria Elisa pesquisou os casamentos de Alte e como há fortes probabilidades de Domingas de Sousa ser natural da freguesia de Alte (ou Paderne), solicito a sua preciosa ajuda para chegar aquele casamento, o qual deveria ter ocorrido entre 1676 e 1681, pois que o primeiro filho do casal Manuel Martins Mogo e Domingas de Sousa nasceu a 1-01-1682, em Salir. O casal residiu no sítio do Vale do Álamo, freguesia de Salir, muito próximo do sítio da Penina, naquele tempo da freguesia de Alte e actualmente da freguesia de Benafim.

Também procuro o casamento de João Martins Mogo (filho de Manuel Martins Mogo) e Maria da Assunção, cerca de 1705- 1710 e provavelmente também na freguesia de Alte.
Se tiver alguma coisa sobre estes "Mogos", agradecia então a sua ajuda.

Com os melhores cumprimentos.
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#344419 | Jpteixeira | 27 Mar 2014 17:34 | Em resposta a: #176093

Caro parente Rafael:

Como está? Há muito tempo que não tenho o privilégio de falar consigo. Espero que esteja de ótima saúde.
A razão desta minha mensagem refere-se à Ermida de N.ª Senhora da Glória de Benafim.
Existe uma Comissão que quer restaurar as pedras tumulares epigrafadas que existiam na referida Ermida. No entanto, não há qualquer levantamento sobre a mesma, pelo que me dirijo a si, que sei que é a pessoa que mais sabe daquela Ermida, para que me possa informar se tem alguma fotografia daquelas pedras ou se sabe de alguém que as tenha.

Um cordial abraço do seu parente.
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#344433 | rafael | 27 Mar 2014 22:21 | Em resposta a: #344419

Caro Primo Júlio Sousa

Folgo muito de o ver por aqui.Eu vou indo,como se costuma dizer lá para os nossos sítios, mas sair para longe já não é com a facilidade de anos passados.Fiquei deveras satisfeito por se ter lembrado de mim.O Júlio deve ter muito da família que eu desconheço.Estive uns tempos muito,demasiado longos afastado destes assuntos,que fui retomando pouco a pouco.Da última vez que lá estive,há anos, estavam cobertas por alcatifa e não sei se algumas teriam sido destruídas,porque houve quem quisesse fazê-lo,mas felizmente que houve bom senso.
Como sabe foi um panteão familiar e lá estão sepultados alguns da minha família Martins Cavaco-Pires Cortesão-Lourenço Guerreiro-Aboim Guerreiro-Gregório-Pinheiro Cavaco.
O escritor Padre Dr.Francisco Xavier Ataíde de Oliveira,primo -irmão de minha avó materna Vitória de Sousa Nunes ,na sua Monografia do concelho de Loulé diz que a ermida foi fundada pelo Pad. Manuel Martins Cavaco (actualizei a ortografia)que lá se encontra sepultado junto com o pai M.Cavaco (Manuel Gonçalves Cacvaco)que faleceu aos 17 de Dez. de 1742.Na Capela mór jaz M.Gorg´rio e seus herdeiros,deve ser dos Gregório da freg. de São Bart. de Messines, gente muito afazendada e da Principalidade.Tb. a sepultura do capitão Manuel Pires Cortesão e de sua mulher Cn. Maiz (Martins)Cavaco e seus herdeiros.Outra campa de M.ªGertrudes Cavaco,fal. a 28 de Set. de 1747 e tb. a campa de D.Beatriz Pinheiro Cavaco,penso que é a morgada dos Cortesão,em Boliqueime e foi casada com o cap.Gregório José de Figueiredo Mascarenhas da Franca,mas esta aparece nas Famílias Nobres do Algarve- de Sanches de Baena como MARIA e a epigrafada como Beatriz,o que poderá ser outra embora da mesma família,mas os canteiros enganavam-se ,por vezes, nos nomes e até apelidos e por último a sepultura de S.A.P.M Pires S.rAboim,que deve ser o Padre Manuel Pires Guerreiro de Aboim e a do P.e Luís Lourenço Guerreiro (usou este apelido que na campa não ficou epigrafado).São todos meus familiares.O Pad. Luis teve uma irmã de nome Maria Guterres e foram padrinhos aos 1-1-1726.Realmente tenho antepassados de Benafim -Pinheiro e Guterres.Fico por aqui e ao seu dispor.Deve calcular como me sinto satisfeito pelo restauro das pedras tumulares epigrafadas que ao fim e ao cabo pertencem a essa comunidade de Benafim e Alte .Eu tive um antepassado de apelido CORTESÃO,da freg. de Salir,julgo que lhe falei nisso há anos.
Um grande abraço do primo e amigo que admira o seu trabalho genealógico e o seu incentivo e entusiasmo para tornar conhecidos ao antigos da sua terra e limítrofes.
Agora tenho vindo menos ao Fórum,pois o Facebook ocupa-me um pouco do tempo e lá apareço como Octávio Carvalho e o perfil é uma pedra de armas que existe no meu ex-monte de Almodôvar,hoje do meu filho mais velho.
Outro abraço do primo
Rafael Carvalho

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#344483 | Jpteixeira | 29 Mar 2014 09:19 | Em resposta a: #344433

Caro parente Rafael:

Em primeiro lugar muito obrigado pela sua pronta mensagem.
Folgo muito em saber que está bem. Na verdade, há algum tempo que não nos encontramos e eu não tenho participado muito no fórum, uma vez que estou um pouco "out" das lides genealógicas.
Sobre o assunto em questão, pela sua mensagem deduzi que não sabe que as lajes da ermida foram mesmo retiradas.
Mas agora há algum interesse na recuperação da Ermida de N.ª Senhora da Glória incluindo o propósito de colocar o lajeado nos lugares originais, por isso a referida comissão está a recolher informação junto das "fontes".
Mas não há muita informação disponível, exceto, justamente, o livro que mencionou do Ataíde de Oliveira. Por isso lembrei-me de recorrer a si para obter mais informação, o que agradeço, pois esclareceu alguns pontos da informação que consta no referido livro.
Bem, espero que nos voltemos a ver nos próximos encontros ou mesmo aí pelos lados da margem sul.

Um abraço especial do parente
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

RE: Família Martins Cavaco de Alte

#344486 | rafael | 29 Mar 2014 11:55 | Em resposta a: #344483

Caro parente Júlio Sousa

É verdade que quando lá fui para tirar algumas fotografias que tirei apenas dos altares,porque estava o chão coberto por alcatifa não me apercebi que as as lajes epigrafadas tinham sido retiradas; ainda bem que não levaram descaminho e há o bom senso e respeito para as colocarem nos seus respectivos lugares.Tenho pena de não possuir nenhuma fotografia dessas coberturas epigrafadas e se fosse possível enviar-me por mail agradecia-lhe muito e tb. não sei se alguma tem algum motivo heráldico adicional.

Quando passar por estes lados avise com tempo que terei muito gosto por recebê-lo.
Aceite um grande abraço amigo do parente muito reconhecido
Rafael Carvalho

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#405791 | machadojon | 25 Jul 2018 18:40 | Em resposta a: #176093

Caro Rafael Carvalho,

Estou procurando informações de meus descentendes meu Bisavô era Manuel Braz Machado nascido em silves 11 de março de 1875 filho de José Guerreiro Mogo. Gostaria de saber se o senhor possui informação e se pode me auxiliar nesse processo.

Com os melhores cumprimentos,

Jonathan Navarro Magalhaes Machado

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#405794 | Jpteixeira | 25 Jul 2018 18:56 | Em resposta a: #405791

Caro Jonathan, boa tarde

O registo de batismo do seu bisavô é o n.º 114 do ano de 1875 da freguesia de Silves. Poderá consultar este registo on-line através do link https://digitarq.adfar.arquivos.pt/viewer?id=996111.
Cumprimentos.
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#405803 | Jpteixeira | 25 Jul 2018 23:49 | Em resposta a: #405791

Caro Jonathan

Os seus trisavós casaram em Silves, na data de 21 de maio de 1874, assento n.º 28, págs. 14 e 14v. Poderá aceder ao registo on-line através do link https://digitarq.adfar.arquivos.pt/viewer?id=996160
Quanto ao link que lhe informei na mensagem anterior (n.º405791) sobre o registo de batismo do seu bisavô, tem que tirar o ponto final. Ou melhor, volto a enviar o link que é o seguinte: https://digitarq.adfar.arquivos.pt/viewer?id=996111
Cumprimentos
Júlio sousa

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#406181 | Jpteixeira | 08 Ago 2018 00:47 | Em resposta a: #175406

Cara Maria Elisa, boa noite
Recupero este tópico para colocar a informação acerca do nascimento de Antão Vaz, se é que não tem já esta informação.
Estava certo o seu palpite. Com efeito, Antão foi batizado em Salir na data de 17 de setembro de 1641( imagem m0362), filho de Domingos Vaz e de Isabel Andreza. Isabel Andreza faleceu cerca de 1651-1652, em Salir, conforme registo das missas rezadas por sua alma no registos das Missas da Paróquia de Salir (imagem m 0502). Estes registos só têm data até setembro de 1648, mas pela leitura do seu conteúdo deduz-se que o óbito de Isabel deveria ter ocorrido entre os anos de 1651 e 1652.
Com os melhores cumprimentos.
Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#406246 | Jpteixeira | 10 Ago 2018 00:50 | Em resposta a: #175406

Cara Maria Elisa
Recupero mais uma vez este tópico para a informar (provavelmente já sabe) que Antão Vaz casou com Brites Correia, filha de Maria Tavares e de António Rodrigues, em 28(?) de outubro de 1664, na Igreja de S. Sebastião, em Loulé (p. 89 do livro de Mistos da freguesia de S. Clemente-Loulé).
Com os melhores cumprimentos.

Júlio Sousa

Resposta

Link directo:

Família Martins Cavaco de Alte

#406261 | pedromelo27 | 10 Ago 2018 14:05 | Em resposta a: #174174

Boa tarde!


Estou procurando ajuda de qualquer tipo de documentos do meu bisavô MANOEL BORGES COELHO DE MELO ou MANOEL BORGES, nascido em 30/06/1887, acredito que tenha nascido em AÇORES - ilha terceira, conforme informações.
REGISTRO CIVIL: 148547
CARTEIRA DE ESTRANGEIRO 83883
ÓBITO: 13/7/1965

Pai: JOAQUIM BORGES COELHO DE MELO
Mãe: MARIA AUGUSTA DOS SANTOS

Se puder me ajudar ficarei muito grato.

Obrigado.

Resposta

Link directo:

Mensagens ordenadas por data.
A hora apresentada corresponde ao fuso GMT.
Hora actual: 03 Fev 2023, 15:57

Enviar nova mensagem

Por favor, faça login ou registe-se para usar esta funcionalidade

Settings / Definiciones / Definições / Définitions / Definizioni / Definitionen