Meu avô foi "abrasileirado" ao chegar ao Brasil, há como reverter isso?

Este tópico está classificado nas salas: Arquivos | Bibliografia | Brasil | Cargos | Direito

Meu avô foi "abrasileirado" ao chegar ao Brasil, há como reverter isso?

#405257 | Claudia Marcia | 10 Jul 2018 23:59

Boa noite,
Em minhas pesquisas, descobri que o meu avô materno, português, que veio para o Brasil ainda criança, " sofreu" um processo para abrasileirar" e ainda "virou" filho do tio paterno, após o falecimento de seu verdadeiro pai! Eta família atrapalhada! Encontrei os dados desse bisavô "postiço" no assento de casamento de meu avô como se pai dele fosse!

Daí a pergunta é:
Se eu conseguir a certidão de nascimento dele em Portugal consigo a cidadania para minha mãe e, consequentemente para mim? ( Já encontrei de meu bisavô verdadeiro e desse bisavô postiço! )

Grata,

Cláudia Márcia

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405258 | FilipeFlard | 11 Jul 2018 00:50 | Em resposta a: #405257

Cara Cláudia,

Pelo que posso compreender, consta dos documentos de seu avô que ele era filho de um homem (tio-bisavô), mas na verdade era filho do irmão desse homem (seu bisavô).

1 - Com a certidão de nascimento de seu bisavô biológico, não conseguirá nada, pois não tem parentesco civil com ele.
2 - Com a certidão de nascimento de seu bisavô afetivo, poderá conseguir a nacionalidade, se ele for português.
3 - Com a certidão de nascimento de seu avô, idem.

Se precisar retificar uma certidão de nascimento brasileira para fazer constar que o pai de alguém falecido era outra pessoa, creio que só mesmo pela via judicial, com a concordância dos sucessores e provando pelo ADN o que alega. E talvez mesmo isso não baste para que as autoridades portuguesas lhe reconheçam a nacionalidade, pois provavelmente encarariam com enorme suspeição este documento retificado...
Em todo o caso, recomendo consultar um advogado especialista na matéria.

Cordiais cumprimentos,

Filipe

Resposta

Link directo:

Meu avô foi "abrasileirado"

#405266 | saintclair | 11 Jul 2018 15:23 | Em resposta a: #405257

Cláudia;
... Poderá informar p.f., de que zona de Portugal era o seu Bisavô biológico.
Obrigado.
Saintclair

Resposta

Link directo:

Meu avô foi "abrasileirado" ao chegar ao Brasil, há como reverter isso?

#405287 | Claudia Marcia | 12 Jul 2018 02:29 | Em resposta a: #405266

Boa noite,

Meu bisavô Manoel era de Santa Marinha dos Forjães, Esposende, Braga, Portugal e nasceu em 15/05/1838. O meu tio-bisavô António também, nascido em 17/03/1844.

Todavia, ainda não encontrei a certidão de batismo de meu avô materno Manoel, mas sei que veio para o Brasil ainda pequenino com mais dois irmãos, sendo que um deles faleceu no navio. Sei inclusive que ele se casou em 27/07/1912 em Itaocara/RJ com Briolange Gomes de Azeredo.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi "abrasileirado" ao chegar ao Brasil, há como reverter isso?

#405288 | Claudia Marcia | 12 Jul 2018 02:30 | Em resposta a: #405258

Obrigada!

Resposta

Link directo:

Meu avô foi "abrasileirado"

#405289 | saintclair | 12 Jul 2018 09:53 | Em resposta a: #405287

-
Bom dia;
Parece um assunto complicado, no entanto basta vc. encontrar
o Assento Nascimento do seu avô Português para tentar junto
da Repartição Consulado Português Brasil obter o que pretende.
O seu avô quando casou, indicou o tio como pai para poder tratar
da respectiva documentação; civil e religiosa, o verdadeiro pai,
como sabemos viveu e morreu em Portugal.
Vamos aguardar que vc. encontre esse documento em Portugal,
para poder avançar.
Depois em presença dos documentos a Repartição lhe dará as
"dicas" para fazer as correções necessárias.
Boa sorte.
Sc.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405291 | mila1000 | 12 Jul 2018 11:40 | Em resposta a: #405257

Claudia,

Nos seus tópicos anteriores dizia que o nome da mãe e da esposa estavam errados...

https://geneall.net/pt/forum/172982/busca-por-obito-de-antonio-alves-de-azevedo-meu-bisavo-portugues/#a391119



https://geneall.net/pt/forum/172895/familia-alves-de-azevedo/#a390365

Como pode dizer que Antonio passou a ter o tio como pai? Já pensou na possibilidade de ter um primo com o mesmo nome ? Se o tio passou a ser o pai, deve ter algum documento judicial da tutela, não acha?

Pesquise, tenha certeza disso.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405329 | Claudia Marcia | 13 Jul 2018 02:05 | Em resposta a: #405291

Boa noite, Mila1000, Infelizmente é apenas uma pessoa, pois o primeiro assento de registro que obtive foi exatamente o de casamento de meus avós Manoel e Briolange e lá o bisavô postiço aparece como pai dele. E, como o nome de minha avó era diferente, dificilmente haveria homônimo! Bem, pelo jeito a minha família era bastante atrapalhada e prova disso encontrei nos assentos de nascimento de minha tia-avó Marcela Alves dos Reis, pois, ora aparece o nome da mãe dela como Rosalina Alves da Silva, ora como Rosalina Alves da Encarnação!

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405331 | FilipeFlard | 13 Jul 2018 02:40 | Em resposta a: #405257

Prezada Cláudia,

Se está certa de se tratar do mesmo Manuel, terá de informar o nome do seu avô, o nome do pai biológico e o nome do pai afetivo dele, de modo que os confrades tenham acesso aos dados de forma mais exata para ajudá-la na pesquisa.

Quanto aos nomes diferentes de Rosalina, não se trata de atrapalhação da sua família, mas do costume da época: O nome de batismo da Rosalina era apenas "Rosalina". Quando precisasse de um nome completo, podia usar Alves, Silva, Encarnação, Conceição, Anunciação, Álvares, Macieira, Vasconcelos, Jesus e o que lhe desse na telha...

Cumprimentos,

Filipe

Resposta

Link directo:

Assento nascimento meu avô

#405334 | saintclair | 13 Jul 2018 05:50 | Em resposta a: #405329

Claudia;
Conforme já lhe foi dito, basta vc. encontrar o assento nascimento do seu avô, para
poder avançar.
Tem que ser mais assertiva, caso contrário não vai ter sucesso na investigação.
Sc.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405366 | Claudia Marcia | 14 Jul 2018 01:22 | Em resposta a: #405334

Boa noite,

Estou à procura, mas não sei ao certo em que província ele nasceu. Após confirmar uns dados com a certidão do irmão mais novo dele, ficou fácil encontrar as certidões "dos pais" (Manoel e António)! Apenas sei que, no assento de casamento de meu avó materno, em 1912, consta que estava com 22 anos de idade, portanto deve ter nascido por volta de 1890!

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405368 | Claudia Marcia | 14 Jul 2018 01:36 | Em resposta a: #405331

Boa noite, Filipe,

Meu avô: MANOEL ALVES DE AZEVEDO, nascido por volta de 1890, em local que desconheço; mãe: Rosalina Alves da Encarnação ou Rosalina Alves da Silva.

Meu bisavô biológico: MANOEL ALVES DE AZEVEDO, nascido em 15/05/1838, em Santa Marinha dos Forjães, Esposende, Braga, Portugal - conforme registro de batismo.

Meu avô afetivo: ANTÔNIO ALVES DE AZEVEDO, irmão do bisavô biológico, nascido em 17/03/1844, ambos nasceram na mesma localidade.

Pais deles:
José Alves de Azevedo e Victoria da Silva; tendo como avós paternos: João Alves de Azevedo e Thereza Alves "Poções" e maternos, José Ribeiro da Cruz e Rosa Francisca da Silva.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405369 | FilipeFlard | 14 Jul 2018 01:40 | Em resposta a: #405257

Cara Cláudia,

Onde e com quem se casaram os três?
Os assentos de casamento certamente conterão indicações que lhe permitirão encontrar os assentos de batismo.

Cordiais cumprimentos,

Filipe

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405370 | Claudia Marcia | 14 Jul 2018 01:52 | Em resposta a: #405369

Filipe,

Manoel e Rosalina, meus bisavós, se casaram em Portugal, em data e local que não sei precisar, e vieram para o Brasil com três filhos menores: Marcela, Manoel e uma criança, cujo nome não sei, que faleceu no navio.

No Brasil, Manoel faleceu logo ao chegar de febre amarela. Com isso, António, irmão dele, casou-se com Rosalina e, segundo a minha tia, assumiu o sobrinho Manoel como filho.

Já Manoel, meu avô materno, casou-se em 27-07-1912, no Brasil, Estado do Rio de Janeiro, Comarca de Itaocara, localidade de Três Irmãos, com Briolange Gomes de Azeredo.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405371 | Claudia Marcia | 14 Jul 2018 01:54 | Em resposta a: #405369

Além disso, todos os dados que pude extrair dos registros que encontrei me levaram a tudo o que descobri. Parece que as fontes estão ficando raras para mim!

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405374 | Claudia Marcia | 14 Jul 2018 02:22 | Em resposta a: #405369

Nos registros do Brasil, de casamentos e de nascimentos, mais precisamente nas cidades de Cordeiro e Itaocara, ambas do estado do Rio de Janeiro, encontrei alguns dados que me levaram a outras descobertas! Num deles havia as datas de nascimento de António e de Rosalina, noutro a região de onde ele procedia e o nome de seus pais.
Conforme orientação de MILA1000, eu teria que encontrar um assento de um dos filhos para poder confirmar todos os dados que já tinha em mãos. Assim após descobrir uma neta do irmão mais novo de meu avô, consegui encontrar o assento de nascimento desse irmão e confirmei todos os dados que eu já havia encontrado. Aff!

Confirmados os todos dados, com exceção dessa confusão do nome da bisavô, acessei o site "repositório histórico", registos paroquiais, Braga/Esposende/Forjães e lá encontrei a data correta dos nascimentos de Manoel e António.

Resposta

Link directo:

Meu avô foi

#405549 | Claudia Marcia | 19 Jul 2018 04:03 | Em resposta a: #405257

Boa noite,

Alguém poderia me informar se o IPHAN de Salvador e o Arquivo Público do Estado da Bahia - APEB possui livros digitalizados de chegada de imigrantes portugueses?

Resposta

Link directo:

Mensagens ordenadas por data.
A hora apresentada corresponde ao fuso GMT.
Hora actual: 09 Ago 2022, 17:14

Enviar nova mensagem

Por favor, faça login ou registe-se para usar esta funcionalidade

Settings / Definiciones / Definições / Définitions / Definizioni / Definitionen